O que é marketing pessoal? Aprenda a desenvolver o seu!

  • 22/ago/2017

O que é marketing pessoal? Aprenda a desenvolver o seu!

As empresas se esforçam muito para construir e manter uma boa imagem, já que a identidade da marca vai influenciar diretamente nos números do negócio. Mas essa preocupação deve ser aplicada também no aspecto individual.

Nesse sentido, entender o que é marketing pessoal é fundamental para quem busca prestígio e crescimento pessoal e profissional, pois uma boa imagem pode criar ótimas oportunidades.

No post de hoje, vamos mostrar o conceito desse tipo de marketing e como você deve desenvolvê-lo. Acompanhe!

O que é marketing pessoal?

O marketing pessoal é um conjunto de estratégias que visam atribuir valor à sua imagem. Isso jamais deve ser confundido com publicidade ou bajulação.

Falando do marketing de maneira geral, sua função é referenciar algo, colocando em evidência os pontos positivos. No caso das estratégias pessoais, nada mais é do que mostrar aquilo que você tem de melhor, agregando valores à sua identidade.

Pessoas que alcançaram o sucesso, tanto profissional como pessoal, zelam bastante por suas imagens, e você deve fazer o mesmo!

Mas há de se ter um cuidado muito grande para desenvolver essas estratégias. Você não deve perder a sua autenticidade e se transformar em algo ou alguém que não é. Não copie ou invente um personagem. A ideia do marketing pessoal é evidenciar aquilo que você tem de melhor.

Vamos ajudar você a entender o que é marketing pessoal e como desenvolvê-lo. Confira a seguir!

Como desenvolver o marketing pessoal?

Para criar estratégias, é preciso planejamento e conhecimento de si próprio. Por isso, conheça algumas dicas que podem ajudá-lo com isso.

1. Identifique seus pontos fortes

Como dissemos no tópico anterior, o marketing pessoal visa destacar os seus pontos fortes. Então, é primordial conhecê-los. Avalie aquilo em que você realmente é bom e que gosta de fazer, tanto no lado pessoal como no profissional. Quando você atua com algo que gosta, a satisfação fará com que você alcance resultados cada vez melhores.

Portanto, faça essa avaliação de si mesmo, liste seus grandes potenciais e analise como essas capacidades podem ser úteis e aplicáveis.

2. Cuide de sua imagem

A imagem diz muito sobre uma pessoa. Não estamos dizendo que você precisa, obrigatoriamente, usar roupas caras para passar uma boa impressão. Definitivamente não é isso. Vestir-se bem não está relacionado com o preço das peças.

Você deve avaliar cada situação, cada local e identificar que estilo de roupa mais se adapta à ocasião. É bastante incômodo estar malvestido em um lugar com pessoas bem-apresentáveis. O contrário também vale: estar muito formal em um ambiente descontraído pode não ser agradável.

Lembre-se de que, em muitos momentos da vida, você terá poucos minutos para convencer alguém importante sobre um projeto ou oportunidade. Por isso, não cuidar da imagem pode demonstrar desleixo e pouco interesse, fazendo com que você perca chances antes mesmo de trabalhá-las.

Dê atenção aos cuidados básicos de higiene — como unhas bem-cortadas, cabelo arrumado, entre outros. Tudo isso pode mostrar traços de sua personalidade e agregar valor à sua imagem.

3. Melhore sua relação com as pessoas

Depois de entender o que é marketing pessoal, um ponto muito importante no desenvolvimento das técnicas é o relacionamento com as pessoas.

Se você tem bons relacionamentos, se preocupa com o bem-estar das pessoas e se mostra presente para ajudar quando for preciso, a recíproca será vista.

Comece com seus familiares, trate bem cada um e dê atenção para cada conversa, cada relação. No trabalho, trate bem as pessoas independentemente da posição. Pode ser o porteiro ou o dono da empresa, todos merecem atenção e respeito.

4. Aprimore a sua comunicação

A imagem diz muita coisa sobre você, mas ela sozinha não é capaz de transmitir toda a sua identidade. Para isso, é importante que você se comunique bem.

Profissionalmente, você passará por momentos nos quais deverá se comunicar com pessoas importantes, talvez até falar para um grupo grande de indivíduos. Uma boa comunicação passa credibilidade, além de aumentar o interesse dos ouvintes.

Preocupe-se com o seu vocabulário e alinhe a sua linguagem com o público. Uma apresentação para um grupo de pessoas experientes é bem diferente do que falar com um grupo de adolescentes. Percebe que um grupo não é melhor do que o outro, a questão é que a linguagem usada é diferente, e você deve ter esse conhecimento se deseja ser bem-compreendido.

Para aprimorar a comunicação, leia bastante, escreva e pratique.

5. Busque capacitação profissional

A capacitação profissional abrirá portas para você. Em um mundo cada vez mais competitivo, é preciso buscar novos conhecimentos, agregar competências.

Um profissional que investe em capacitação terá as melhores oportunidades. Se você não fala uma segunda língua, quantas oportunidades profissionais ou até pessoais já perdeu por essa falta?

Como o marketing pessoal é a colocação dos pontos fortes em evidência, criar esses pontos deve ser um trabalho constante. As empresas estão buscando, cada vez mais, colaboradores que tenham conhecimentos em diferentes campos.

Então, busque sempre agregar conhecimento e se capacitar.

6. Invista em educação

Se você entendeu o que é marketing pessoal, deve compreender que a educação é um dos pilares na criação e desenvolvimento das estratégias.

Ter um curso superior, por exemplo, possibilita que você busque oportunidades melhores, além de todo o conhecimento adquirido. O investimento em educação nunca deve parar.

A tecnologia vem se inovando a cada dia, e quem não a acompanha pode perder oportunidades incríveis.

Se você fez somente o ensino médio, continue os estudos e invista em um curso superior. Você terá acesso a um mundo novo de conhecimento e aplicação, aumentando bastante as possibilidades. Isso pode fazer toda a diferença no seu marketing pessoal.

Se já fez o curso superior, busque cursos de pós-graduação. Conhecimento nunca é demais!

7. Tenha atenção com o que publica nas redes sociais

As redes sociais se tornaram parte do nosso cotidiano. Utilizamos as plataformas para buscas, entretenimento, negócios etc.

As redes são ótimas e podem ser utilizadas de diversas formas. Porém, muitas pessoas se esquecem de que aquele é um ambiente aberto, visto por todos. Uma postagem equivocada pode fazer com que você perca uma oportunidade de emprego, por exemplo.

Não adianta querer passar uma imagem positiva pessoalmente se na internet você é outra pessoa. Por isso, pense duas vezes antes de publicar.

Como aperfeiçoar o seu marketing pessoal?

Você viu o que é marketing pessoal e como ele é fundamental tanto no aspecto pessoal como no profissional. Diferentemente da publicidade, as estratégias de marketing visam destacar seus pontos positivos, mostrando os seus diferenciais.

Para desenvolver um bom marketing pessoal, comece olhando para dentro, identificando os seus pontos fortes. Preocupe-se com a sua imagem, com o que você transmite para as pessoas. Lembre-se de atentar para cada relacionamento, pois manter uma boa relação com as pessoas é primordial.

Aprimore a sua comunicação para transmitir credibilidade e passar as informações corretamente. Além disso, busque cursos de capacitação profissional e sempre invista em educação. Por último, tenha atenção com o seu comportamento nas redes sociais.

Vale frisar novamente que o marketing pessoal não é bajulação ou simples publicidade, por isso não tente criar um personagem. Mude aquilo que fará você ser melhor e ajudará a promover os seus diferenciais.

Agora que você já sabe o que é marketing pessoal, descubra qual é o perfil profissional mais buscado pelas empresas!