Conhecimento de informática: o quanto você precisa ter para fazer EAD?

  • 23/jun/2017

Conhecimento de informática: o quanto você precisa ter para fazer EAD?

A educação a distância, ou EAD, vem conquistando um espaço cada vez maior dentro do mundo da educação superior. Afinal, essa modalidade de ensino permite que o aluno conclua uma graduação ou especialização mais rapidamente, com facilidade para gerenciar seu tempo e menos gastos.

Isso sem falar, é claro, na possibilidade de estudar onde e quando você quiser pelo computador. Entretanto, esse contato tão intenso com a internet e a computação pode assustar aqueles interessados que não possuem um conhecimento de informática tão extenso.

Se identificou? Então, o post de hoje é para você! A seguir, mostramos que você não tem nada a temer quanto ao conhecimento de informática necessário para dar conta das aulas a distância. Afinal, o fundamental mesmo é ter dedicação e vontade de aprender. Sendo assim, continue a leitura e veja o que você precisa para cursar a EAD!

Boa conexão de internet para estudar sem obstáculos

Entre as coisas de que você vai precisar para seguir a educação a distância, uma boa conexão de internet é, sem dúvidas, uma das mais importantes. Se você tiver um sinal intermitente e/ou muito lento, não conseguirá ter acesso a tudo o que for necessário para cada aula de maneira fluida e eficiente.

Com isso, suas sessões de estudo serão repletas de “gargalos”. Consequentemente, você ficará frustrado e irritado por desperdiçar preciosos minutos de estudo por causa da conexão de internet ruim, ou mesmo por não conseguir abrir todos os materiais.

Lembre-se de que, além das aulas e do contato com professores e colegas, você também vai estar online para fazer pesquisas e trabalhos! Então, quer se matricular em um curso a distância? Verifique a qualidade da sua conexão de internet e, se necessário, verifique a possibilidade de melhorá-la com a provedora.

Navegador compatível com o site da instituição

Mesmo com a internet mais veloz do mundo, você não conseguirá ter acesso aos materiais e aulas se não utilizar um navegador compatível com o site da instituição e com os arquivos disponibilizados pelos professores dentro da plataforma EAD.

Mas não se preocupe, pois descobrir essa informação é muito fácil! Se os sites não carregarem, você será informado que o motivo disso é a incompatibilidade do navegador. O mesmo acontecerá se algum arquivo não puder ser aberto dentro da internet.

Se as dúvidas persistirem, um breve e-mail à instituição de ensino permitirá que você encontre o caminho certo rumo a um navegador compatível com tudo o que você precisa acessar para dar continuidade a seus estudos.

Aceitação da didática pensada para os meios digitais

Isso não se trata exatamente de conhecimento, mas do quanto você está aberto para absorver novas formas de se relacionar com o mundo. Na educação a distância, a didática das aulas é pensada especialmente para os meios digitais.

Dessa forma, o processo se torna intuitivo, dinâmico e facilmente compreendido por quem estiver envolvido com as aulas e conteúdos. A partir daí, cada aula será mais interessante, pois, além da matéria em si, você também se familiarizará cada vez mais com o mundo digital.

Habilidades básicas para trabalhos e aulas

Nas aulas EAD, a maior parte do contato entre professores e alunos é feita pela plataforma de ensino online. Portanto, você terá acesso aos conteúdos das aulas digitalmente e, além disso, entregará seus trabalhos pelo computador.

Diante disso, você precisará de habilidades básicas para conseguir navegar pela plataforma e ser capaz de redigir seus trabalhos. Algo simples, que pode ser feito em qualquer processador de texto! Depois, basta salvar o arquivo e enviá-lo.

Para as aulas, você deverá consumir arquivos principalmente nos formatos pdf e ppt, que são muito comuns e com os quais você já deve ter alguma familiaridade. Portanto, basta baixar os arquivos, abri-los nos programas adequados, e pronto!

Muita vontade de aprender para abraçar tudo isso

É comum ficarmos um tanto receosos, ou mesmo assustados, diante daquilo com o qual não temos familiaridade. Entretanto, você não pode deixar esse medo impedir você de ir atrás daquilo que quer. A EAD é para todos!

O conhecimento de informática necessário para cursar a EAD, como vimos, não é extenso, abordando principalmente situações que você vivenciará diariamente ou, pelo menos, quase todos os dias. Assim, você logo, logo pegará o jeito da coisa e conseguirá navegar sem hesitar por todas as aulas, materiais e conteúdos extras disponibilizados.

Para tanto, você precisa apenas daquilo que você provavelmente já tem de sobra: vontade de aprender, dedicação, garra e foco. Afinal, a educação a distância pode revolucionar a sua vida e a sua carreira! Pensando nisso, a seguir, apresentamos algumas das principais vantagens dessa modalidade de ensino. Olha só:

1. Excelente custo-benefício

Passagem de ônibus, gasolina, lanche, roupas, livros didáticos… Estudar requer muitos gastos financeiros, não é mesmo? Isso sem falar no tempo que você leva para ir e voltar da instituição — que, em meio à família e ao trabalho, é difícil de conseguir.

A educação a distância troca tudo isso pela praticidade de poder estudar de casa, da rua ou de onde for, na hora em que você quiser e puder.

Em vez de enfrentar uma hora de ônibus, basta se instalar em um cantinho silencioso da sala, ligar o computador e mergulhar nos estudos! Já os livros didáticos são digitais, livrando você do peso de carregá-los e diminuindo, ou mesmo eliminando totalmente, o valor a ser pago por eles.

Juntando todos esses benefícios ao fato de que as mensalidades dos cursos a distância costumam ser consideravelmente menores do que nas graduações presenciais, fica fácil perceber que o custo-benefício da EAD vale muito a pena!

2. Reconhecimento do diploma

Mesmo com todas as vantagens da EAD, muitas pessoas ainda desconfiam da modalidade de ensino, pois têm medo de que o diploma de um curso a distância não valha tanto quanto aquele de uma formação “tradicional”. Ledo engano!

Tanto os cursos presenciais quanto a distância são avaliados e acompanhados pelo Ministério da Educação (MEC). Portanto, é sempre fundamental verificar se a faculdade escolhida está devidamente regularizada junto ao MEC. Se estiver tudo certo, seu diploma é válido e reconhecido.

Aliás, seu diploma nem mesmo trará a informação de que seu curso foi feito a distância! Ele será válido para avaliações de emprego, concursos públicos, e tudo o mais que você precisar. As grades curriculares da EAD e do ensino presencial respeitam as mesmas diretrizes. Portanto, escolher uma ou outra depende inteiramente da sua preferência!

3. Encontros presenciais

A educação pode ser a distância, mas os encontros presenciais ainda são importantes!

As instituições de ensino determinam certas datas, normalmente uma vez por mês ou por semestre, em que todos os alunos devem comparecer à aula. Além de possibilitar o contato presencial entre colegas e alunos, o dia costuma ser voltado para a aplicação de provas ou apresentação de trabalhos.

Gostou de saber qual é o conhecimento de informática necessário para a EAD? Quer retomar os estudos dessa forma? Então, prepare-se ainda melhor lendo nosso e-book gratuito — De volta aos estudos: saiba como se organizar financeiramente!