Tecnólogo ou Bacharel? As vantagens de cada graduação

  • Camila Serrat   /
  • 06/jan/2017

shutterstock_310072547

Quando temos de decidir por uma graduação, além da dúvida sobre que área seguir, podemos nos deparar com outro questionamento: fazer um curso tecnológico ou de bacharelado?  Afinal, ambos são de nível superior e, enquanto um tem menor duração, o outro é mais abrangente. Por isso, para te ajudar, veja a seguir uma análise que pode ajudá-lo a decidir seu tipo de graduação.

Nos anos 1990, a oferta de cursos tecnológicos cresceu vertiginosamente devido à necessidade de profissionais capacitados para atender demandas específicas do mercado de trabalho, vagas que não necessitavam de aprofundamentos teóricos mais abrangentes. O fato de serem focados em qualificações específicas dá aos cursos tecnológicos uma vantagem: menor duração (geralmente de dois a três anos) e, consequentemente, custos reduzidos.

Por sua vez, os bacharelados possuem duração maior (de quatro a cinco anos) e abordam mais disciplinas teóricas do que os cursos tecnológicos. Isso faz com que bacharéis tenham mais possibilidades de inserção profissional, pois podem atuar em diferentes áreas de uma mesma profissão. Por exemplo: a formação de um bacharel em Administração o habilita para atuar em diversas áreas correlatas como a financeira, a de logística e a de recursos humanos. Tal possibilidade é chamada de “deslocamento horizontal”. Nesse sentido, o tecnólogo está em desvantagem, pois, devido a sua formação específica, terá dificuldades em migrar para outra área de atuação da mesma profissão.

Para superar essa desvantagem, a solução é ampliar o leque de possibilidades de atuação profissional por meio de cursos de especialização e Pós-Graduação. A educação continuada é uma necessidade também para bacharéis. Afinal, a Pós-Graduação permite que o profissional se torne um especialista em uma determinada área ou assunto, além de promover atualizações necessárias para qualquer profissional, seja bacharel ou tecnólogo.

Na Faculdade UnYLeYa, temos os dois tipos de Graduação disponíveis (tecnólogo e bacharelado), além de diversos cursos de Pós-Graduação para agregar à sua formação profissional. O importante é escolher um caminho, ter foco e dar o melhor de si para um bom aproveitamento acadêmico. 🙂

LEIA TAMBÉM: Como saber qual graduação fazer?






52 INSIGHTS PARA UMA CARREIRA VENCEDORA