5 motivos para voltar para a faculdade

  • 14/ago/2017

5 motivos para voltar para a faculdade

Fazer um curso superior não é nada fácil. Embora traga inúmeros benefícios, a conclusão de uma graduação pode levar a um percurso sinuoso ao longo do caminho para a obtenção do diploma. Por isso, é comum que vários estudantes desistam durante sua trajetória acadêmica, sendo fundamental que reconheçam as razões e encontrem meios de voltar para a faculdade.

Se você está nessa situação, precisa ler este post agora mesmo! Nele, vamos abordar os 5 principais motivos para voltar para a faculdade, mostrando que a superação dos percalços que dificultam a conclusão do curso superior traz diversas vantagens ao profissional depois de formado. Você verá que retornar para a sua vida de universitário vale a pena!

1. É possível driblar os problemas financeiros

Uma das principais razões que fazem com que alguém pare os seus estudos universitários é a falta de dinheiro. No entanto, há formas de contornar essa situação e motivos para retornar à faculdade. Custear atividades educacionais é um dos maiores investimentos que uma pessoa pode fazer para a sua carreira, uma vez que a impulsiona, abrindo um leque de possibilidades de atuação profissional.

Além disso, a médio e a longo prazo, a obtenção de um diploma em nível superior possibilita a ascensão na profissão escolhida e o consequente aumento salarial. Isso porque os conhecimentos teóricos e práticos proporcionados pela graduação direcionam a atuação do profissional, distinguindo-o daqueles que não têm esse tipo de formação.

Para ser capaz de arcar com as mensalidades da faculdade, o estudante pode buscar meios alternativos, como financiamentos e bolsas de estudos parciais. Outra possibilidade é aproveitar os programas específicos da instituição de ensino, entre os quais estão os convênios com organizações parceiras, que possibilitam a obtenção de descontos mensais. Essas opções estão cada vez mais acessíveis aos estudantes, podendo ser a solução para os problemas financeiros.

2. Você pode manejar melhor seu tempo

Com tantas responsabilidades rotineiras e tarefas cotidianas, fica difícil organizar o tempo para dar conta de todas elas, o que pode fazer com que os estudos sejam deixados de lado. Muitas vezes, o estudante tem a intenção de trancar a sua matrícula apenas durante um curto período, que, no entanto, se torna bem maior do que o esperado. À medida que mais atividades vão surgindo, o aluno tende a encontrar cada vez mais dificuldades em achar tempo para estudar.

Tempo é, de fato, um recurso preciso, mas, que pode ser obtido com o devido planejamento. Nessa perspectiva, retomar os estudos por meio da educação a distância — EAD — é uma excelente opção, já que essa modalidade de ensino e aprendizagem permite que o estudante organize a sua carga horária semanal de maneira a desenvolver todas as atividades profissionais, pessoais e universitárias demandadas.

Além disso, a EAD é vantajosa porque seus cursos e diplomas são reconhecidos pelo Ministério da Educação, têm a mesma validade que a modalidade presencial, são valorizados pelo mercado de trabalho e custam menos que as graduações feitas presencialmente. Portanto, a educação a distância não só ajuda a resolver a falta de tempo para estudar, como traz ainda muitos outros benefícios.

3. O medo das provas não pode impedir seu sucesso

Para muita gente, ter que resolver testes, apresentar trabalhos, produzir textos e fazer provas é um verdadeiro desafio, o que pode afastar o estudante da universidade, levando até mesmo à desistência dos estudos. No entanto, essas atividades são muito menos assustadoras do que parecem, podendo ser facilmente desenvolvidas com concentração, foco, persistência, engajamento e disciplina.

Também é preciso lembrar de que as atividades avaliativas são passageiras, servindo apenas para checar se o aluno aprendeu. Por isso, antes mesmo de ter receio delas, vale a pena lembrar dos aspectos positivos que serão trazidos com a sua realização. Um deles é o crescimento pessoal, que será obtido tanto pela superação das avaliações, quanto pela conclusão do curso e consequente obtenção do diploma.

Enfrentar as atividades avaliativas existentes na universidade também ajuda o futuro profissional não só a sobreviver, como também a ser competitivo no mercado de trabalho. Isso porque, seja qual for a área de sua atuação, o trabalhador estará em constante competição com outros profissionais para conseguir a melhor vaga, o que necessariamente passa por situações avaliativas em que ele é colocado à prova.

4. Não há vergonha em voltar a estudar

É comum que a palavra “estudante” seja entendida como se referindo apenas a pessoas mais novas que estão se dedicando aos estudos, compreensão que faz com que pessoas que tenham parado de frequentar a faculdade há algum tempo sintam vergonha de voltar para ela. No entanto, engana-se quem pensa dessa forma, já que estudar é uma atividade que pode — e deve! — ser feita em qualquer idade.

Inclusive, fazer a faculdade depois do início da fase adulta pode até ser mais vantajoso, já que o estudante está agora mais maduro para lidar com as suas responsabilidades acadêmicas. Outros pontos positivos de voltar para a faculdade é a possibilidade de fortalecer o networking, já engatar uma pós-graduação após a conclusão do curso superior e aumentar o próprio conhecimento.

5. Pode ser a hora de vencer sua dificuldade de concentração

Não é todo mundo que gosta de estudar. Na verdade, muitas pessoas fazem uma faculdade porque precisam se especializar e ter a chance de conseguir melhores colocações profissionais. Essa realidade pode ser um fator que dificulta o modo como o universitário lida com as suas responsabilidades acadêmicas, enxergando-as como desestimulantes, complexas e, em alguns casos, pouco úteis à sua formação. Essa percepção pode levar à desistência dos estudos.

Para lidar com essa situação, é importante que o estudante se organize, crie formas de manter a disciplina e vislumbre sempre o seu futuro. Ser organizado e buscar ser disciplinado são atitudes práticas que contribuem para que as tarefas universitárias sejam menos árduas e estressantes, tenham melhores níveis de aproveitamento e proporcionem mais satisfação e prazer.

Pensar no futuro é um modo de encarar as atividades acadêmicas com mais determinação e otimismo, dando certa leveza a elas. Isso porque uma graduação é a porta de entrada para uma carreira bem-sucedida, com melhores oportunidades profissionais. Assim, ao voltar para a faculdade, o estudante estará retornando ao caminho do sucesso no trabalho, reiniciando a conquistas de seus objetivos.

Pronto para voltar para a faculdade? Então, aproveite para ler o e-book que vai te ajudar a organizar a sua vida financeira!

 



Nosso App

Nossas Redes Sociais