Nunca é tarde: 10 passos para voltar a estudar

  • 24/ago/2017

Nunca é tarde: 10 passos para voltar a estudar

Voltar a estudar é um desejo de muitas pessoas que acabaram entrando no mercado de trabalho sem concluir os estudos como gostariam. De fato, investir em capacitação é importante para a carreira de todo profissional.

Contudo, tomar essa decisão requer alguns cuidados, já que a pessoa precisa se organizar para conciliar a vida acadêmica com o trabalho ou mesmo preparar-se para começar uma nova fase.

E você, já pensou nessa hipótese? Tenha certeza de que nunca é tarde para adquirir conhecimento, por isso confira a seguir algumas dicas que podem ajudá-lo nesse momento!

1. Reflita sobre suas preferências e metas para o futuro

O primeiro passo antes de voltar a estudar é encontrar suas motivações para isso. É importante refletir sobre a sua vida, seus interesses, suas oportunidades profissionais, seus objetivos para o futuro e tentar identificar o que você pode fazer para alcançá-los.

Talvez você opte por mudar totalmente de área e investir em algo que traga maior satisfação, ou continuar no ramo no qual já trabalha e buscar qualificação para conseguir uma posição melhor.

Essa reflexão será essencial para avaliar por onde começar e, se surgirem muitas dúvidas nessa etapa, você pode fazer um teste vocacional ou procurar algum tipo de orientação para tentar clarear suas ideias.

2. Organize a sua rotina

Depois de pensar no que você deseja fazer para mudar sua vida, é fundamental que você organize a sua rotina para encontrar tempo para cada tarefa. Diversas pessoas se perdem nesse momento, ficando presas ao pensamento de que não têm tempo para correr atrás de seus sonhos.

Mas, na maioria das vezes, é possível organizar-se melhor e definir algumas prioridades para conseguir cumprir com os novos planos. Não tenha dúvidas de que pode ser necessário uma dose maior de esforço, por isso, tenha sempre em mente as suas motivações e metas para o futuro.

3. Faça um planejamento financeiro

Normalmente, fazer qualquer tipo de mudança envolve algum gasto financeiro. Em vista disso, é bom que você também se prepare nesse aspecto para começar a investir na realização do seu sonho — seja ele fazer uma faculdade, um curso técnico, abrir um negócio, entre outros.

Organize todo o seu orçamento para tomar uma decisão consciente e não acabar se complicando depois ou tendo que abandonar os seus projetos. Além disso, procure opções que viabilizem os seus planos, como programas de financiamento estudantil e bolsas de estudo.

4. Procure alternativas que se encaixem ao seu dia a dia

Sabendo o que quer fazer e determinando o tempo e os recursos financeiros que você tem disponíveis para isso, é hora de buscar soluções que sejam viáveis para a sua realidade. Na prática, isso significa que não adianta procurar cursos distantes, muito caros ou que apresentem qualquer outro tipo de dificuldade.

A ideia é encontrar alternativas que se enquadram no seu perfil, ou seja, que você poderá encaixar com os compromissos do seu dia a dia. Por exemplo, se você precisa continuar trabalhando durante o dia para estudar à noite, não adianta procurar por cursos em tempo integral, certo?

Nesse sentido, os cursos EAD têm sido uma boa solução para muitos estudantes, principalmente para aqueles que têm que conciliar a vida profissional com a acadêmica. A qualidade e a praticidade do ensino a distância é bastante atrativa, viabilizando a conquista de um diploma.

É importante lembrar que não há distinção do diploma obtido em curso EAD para a modalidade presencial, e que ambos são reconhecidos pelo MEC e aceitos no mercado de trabalho.

5. Confira os requisitos de cada instituição

Quando já tiver decidido o que fazer e tiver encontrado as instituições de ensino que ofereçam o curso ideal para você, o próximo passo deve ser pesquisar quais são as regras e os requisitos de cada uma delas.

Nesse caso, é essencial conferir como funciona o processo seletivo, os prazos de inscrição, as datas e os conteúdos das provas, entre outros detalhes. Entender como funciona o ENEM também pode ser importante, já que ele tem sido muito utilizado como pré-requisito para entrar em algumas faculdades, conseguir financiamento pelo Fies ou até mesmo bolsas de estudo pelo ProUni.

6. Monte um cronograma de estudos

Após buscar todas as informações para fazer o curso que você deseja, uma boa dica é pegar o calendário e montar um planejamento de estudo até as datas das provas. Assim, distribua os conteúdos que devem ser estudados de acordo com o seu tempo disponível, sem deixar nada para trás.

Isso costuma facilitar muito a rotina de estudo, já que estabelece metas menores para que você consiga cumprir com todo o cronograma. Além do mais, a organização evita que você se perca e acabe se enrolando na hora de estudar — o que reduz tanto a sua produtividade quanto o seu desempenho na hora das provas.

7. Busque recursos online

Passar um tempo sem estudar geralmente faz com que as pessoas percam o ritmo e esqueçam muitos conceitos, mesmo aqueles que já foram aprendidos em determinado momento da vida. Por isso, a tecnologia tem sido uma grande aliada de quem voltou a se dedicar aos estudos.

Na internet, é possível encontrar sites, aplicativos, fóruns de discussão, exercícios resolvidos e até mesmo aulas online que ajudam os estudantes. Explorar esses recursos é uma ótima maneira de aumentar o seu rendimento e tirar dúvidas de forma mais simples e prática.

8. Cuide do seu bem-estar

Ao criar o seu planejamento, não se esqueça de que a sua vida não precisa ficar limitada a trabalho e estudo — inclusive, fazer isso pode pôr em risco todo o seu esforço. É claro que é preciso ser disciplinado para conseguir dar conta de tudo, mas buscar o equilíbrio também é imprescindível.

Uma rotina desgastante e estressante não favorece o aprendizado, além de prejudicar a sua saúde. Então, lembre-se de detalhes importantes, como ter boas noites de sono, alimentar-se de forma nutritiva e balanceada, praticar exercícios físicos, tirar um tempo para descansar e divertir-se com amigos e familiares etc.

Tudo isso faz parte de uma vida saudável — o que contribui para o seu bem-estar e, consequentemente, para a sua produtividade no trabalho e nos estudos.

9. Aproveite cada momento

Um dos truques das pessoas que conseguem conciliar bem todas as suas atividades é aproveitar cada momento, evitando acumular tarefas e correr o risco de não conseguir cumpri-las. Isso quer dizer que, se você está na aula, deve prestar atenção, tirar suas dúvidas, fazer anotações e realmente procurar entender o que está sendo explicado.

Estar de corpo presente mas com a cabeça em outro lugar pode atrapalhar toda a sua rotina. O mesmo acontece com o trabalho, sem contar que você ainda aumenta as chances de piorar seu desempenho e perder a vaga.

10. Seja persistente

Por fim, saiba que nem sempre será fácil, mas as recompensas farão todo esforço valer a pena. Portanto, seja persistente e dedicado para continuar com os estudos e colher melhores frutos no seu futuro profissional e pessoal!

E aí, gostou das nossas dicas para voltar a estudar? Não deixe os seus sonhos de lado e busque sempre maneiras de investir em você! Por esse motivo, para se preparar ainda melhor para à volta aos estudos, aprenda como se organizar financeiramente!