Guia rápido de sobrevivência ao fim de semestre

  • 11/dez/2017

Guia rápido de sobrevivência ao fim de semestre

O fim de semestre se aproxima e, com ele, as datas das provas e das entregas dos trabalhos finais também. As férias vêm logo a seguir, mas antes de poder curti-las você ainda vai ter que estudar muito.

É claro que, para garantir o sucesso do semestre, é fundamental que você tenha assistido às aulas, feito anotações, obtido notas boas nas provas parciais etc. Afinal, já que você está matriculado numa instituição de ensino superior, é muito importante levar o curso a sério para tirar o máximo de proveito dessa oportunidade.

Contudo, se você é o tipo de estudante que precisa de um pouco de adrenalina para começar a estudar e só vai atrás dos livros quando os prazos apertam, as dicas do post de hoje também podem ajudá-lo a salvar o semestre. Confira!

1. Organize os seus afazeres

Antes de tudo é necessário ter em mente de quanto tempo você dispõe e de quanto você vai precisar para realizar as atividades de fim de semestre ou estudar para as provas. Para isso, utilize um aplicativo de agenda, como o Google Calendar, para organizar suas atividades e descobrir quanto tempo sobrou para estudar.

Reserve esse tempo para sessões de estudo ou para fazer os trabalhos, sempre que possível indicando qual conteúdo será estudado ou qual etapa do trabalho será feita em cada sessão, dando prioridade para os conteúdos e etapas mais importantes.

Organizar seu estudo dessa forma, por meio de metas, vai ajudá-lo a distribuir o tempo de forma eficiente e vai poupá-lo de decidir a cada sessão o que será feito, economizando bastante tempo.

Também é importante que o momento de estudar seja aquele no qual você se sente mais produtivo. Afinal de contas, você não vai conseguir produzir muito se estiver com sono ou cansado.

Não se esqueça de marcar as datas das provas e das entregas dos trabalhos. Muitos estudantes cometem o erro de focar apenas na primeira prova ou trabalho, deixando para pensar nos outros depois. O problema disso é que, na maioria dos casos, as disciplinas encerram em datas próximas e acaba sobrando pouquíssimo tempo para estudar para o restante delas.

2. Ganhe mais tempo

Se você realizar outras atividades obrigatórias, como estágio ou trabalho, por exemplo, você não terá tanto tempo assim sobrando e nem sempre será possível reservar a quantidade de horas que você precisaria para entregar um trabalho de qualidade ou tirar uma boa nota.

Nesse tipo de situação, é fundamental deixar o perfeccionismo de lado para tentar ser aprovado no máximo de disciplinas — se possível em todas. Ou seja, nada de perder tempo fazendo exercícios que não estão na lista do professor ou escrevendo informações adicionais nos trabalhos se há tarefas mais importantes de outras matérias que você ainda não cumpriu.

Esse também é o momento de minimizar o tempo gasto em outras atividades, principalmente as de lazer e outras extracurriculares. Também vale a pena faltar à academia ou o curso de língua durante uma semana para garantir que você não vai reprovar na faculdade.

Há uma série de atividades da nossa rotina que não podemos deixar de fazer — como se locomover, dormir e se alimentar — mas que você pode otimizar e realizar de forma mais eficiente. Por exemplo, substituindo as refeições feitas em companhia de algum colega por refeições solitárias, que são mais rápidas.

3. Afaste-se das distrações

Como há pouco tempo e muita coisa para ser feita, você precisa mais do que nunca se afastar de tudo aquilo que usualmente costuma atrapalhar a sua concentração na hora de estudar.

Na sua primeira sessão de estudo, você deverá deixar uma folha em branco ao seu lado e escrever nela o que o está distraindo sempre que o seu estudo for interrompido. Ao fim da sessão, você terá uma lista de tudo aquilo de que precisa se afastar antes de começar estudar.

Estudar em casa, às vezes, pode ser um desafio por conta do número de distrações que você terá por perto. Se você perceber que não consegue fazê-lo de jeito nenhum, procure outro espaço no qual estudar — a faculdade, uma biblioteca, a casa de um amigo para estudar juntos etc.

4. Mantenha-se motivado

Lembre-se: você está agora na reta final. Não deixe que a ansiedade tome conta de você, porque, se isso acontecer, você não conseguirá estudar direito. Por outro lado, se você relaxar demais, não terá motivação para estudar.

Você já deve ter ouvido falar sobre como o estresse atrapalha a produtividade das pessoas, mas a verdade é que, se mantiver esse estresse num nível equilibrado, você se tornará muito mais eficiente. Portanto, busque um meio termo entre preocupação e calma e utilize o efeito da proximidade das provas ao seu favor.

As metas de que falamos na primeira dica podem ter um papel importante na busca por esse equilíbrio. Faça uma checklist com elas e você perceberá que sempre que riscar um item da lista se sentirá motivado por ter chegado um passo mais próximo da aprovação.

5. Considere uma transferência para uma faculdade EAD

Uma característica muito marcante dos alunos de EAD é o fato de que eles organizam melhor o próprio tempo e têm mais consciência na hora de distribuir suas atividades ao longo do semestre.

Isso acontece por causa da flexibilidade que essa modalidade de educação oferece, permitindo que cada estudante adeque seu curso às suas necessidades, mas também pelo fato de que eles tem uma necessidade maior de se organizar.

Essa necessidade os ajuda a internalizar a cobrança pelo estudo e a se tornar mais conscientes da própria aprendizagem, tornando-os mais autônomos do que os demais estudantes.

Se você ainda tem dificuldade em se apropriar da responsabilidade pelos seus estudos e sente que suas outras atividades o atrapalham na hora de se dedicar ao seu curso, talvez seja o caso de procurar um modelo de faculdade que faça mais sentido para você.

De todo modo, você não está sozinho nessa. Para muitos estudantes de ensino superior, o fim de semestre é um momento de bastante ansiedade e trabalho acumulado. Que tal se poupar disso no semestre que vem e dividir as tarefas ao longo dos meses? Assim você não vai correr perigo de reprovar nenhuma disciplina e ainda vai aprender muito mais!

Se você quer aprender outras técnicas para estudar melhor, não só no fim de semestre, mas durante todo o curso, confira o nosso e-book Guia do Estudante EAD, coloque nossas dicas em prática e aproveite melhor a sua graduação!



Nosso App

Nossas Redes Sociais