Afinal, quem pode fazer MBA?

  • 09/fev/2018

Afinal, quem pode fazer MBA?

O termo MBA significa Master in Business Administration, que em português quer dizer Mestre em Administração de Negócios e, apesar de não ser um mestrado, é um tipo de especialização comum e de muito valor no mercado de trabalho. Mas você sabe quem pode fazer MBA?

Essa é uma dúvida de muitas pessoas que têm o desejo de melhorar sua capacitação, mas não sabem muito bem quando fazer isso ou o que escolher nesse momento.

Pensando nessas questões, separamos a seguir algumas das principais características de uma pessoa que se encaixa no perfil de um estudante de MBA. Confira e veja se as suas motivações e expectativas se parecem com elas!

Quem já trabalha e quer crescer profissionalmente

Uma dos maiores motivos que fazem uma pessoa procurar um curso como um MBA é o desejo de crescer na carreira. É natural que, com o passar do tempo, as coisas fiquem um pouco estagnadas e, para criar novas oportunidades, é preciso enriquecer o currículo.

Inclusive, as próprias instituições de ensino costumam exigir algum tempo de experiência profissional na seleção de candidatos. É uma forma de enriquecer as aulas com os desafios enfrentados no dia a dia por cada aluno, favorecendo a troca de experiência e conhecimento.

Portanto, ao investir na sua formação, qualquer pessoa se torna mais preparada e atraente, seja para a empresa em que já atua ou para o mercado de trabalho de forma geral. Tal atitude demonstra o seu interesse em se tornar um profissional mais qualificado e atualizado em sua área.

Além disso, o convívio com os colegas e professores durante o curso também acaba sendo uma boa oportunidade de melhorar o seu networking, fazer novos contatos e ampliar as possibilidades de trabalho.

Logo, fazer um MBA é uma ótima indicação para quem está planejando a carreira e quer dar um passo à frente. No fim das contas, se você continuar na sua zona de conforto, outra pessoa mais qualificada pode chegar lá antes que você — ou pior, no seu lugar.

Quem já investiu em cursos de idiomas

Um dos diferenciais que grande parte dos profissionais buscam nos últimos anos é a fluência em outros idiomas, não é mesmo? Além do português, dominar o inglês ou o espanhol já virou praticamente uma necessidade básica.

O conhecimento prévio (pelo menos em um nível intermediário) da língua inglesa, por exemplo, já faz parte dos pré-requisitos de muitos processos seletivos — tanto para vagas de emprego como para vagas em cursos como MBA.

Então, se você já se formou e já investiu em cursos de idiomas, talvez agora seja a hora de dedicar o seu tempo para subir mais um degrau.

Quem tem pouco tempo disponível

É bem provável que um candidato a fazer um MBA não tenha tanto tempo disponível em sua rotina, sobretudo devido aos compromissos com a sua vida profissional. Esse é um dos fatores que tende a dificultar a realização de um novo curso superior presencial, por exemplo.

Ao mesmo tempo, as alternativas mais rápidas e práticas se tornam mais atrativas. No caso do MBA, apesar de ser um tipo de curso intenso e exigente, em aproximadamente 2 anos (ou no mínimo 360 horas-aula) é possível se tornar um especialista graduado e reconhecido. Além do mais, as aulas geralmente são concentradas nos fins de semana ou no período da noite para viabilizar os estudos para quem trabalha durante todo o dia.

Mas se você não tem tempo ou disponibilidade para frequentar as aulas presenciais, ainda assim você pode cursar um MBA, pois muitas instituições de ensino que contam com a modalidade de educação a distância têm oferecido cursos cada vez mais completos para esse tipo de perfil — nesse caso, falta de tempo não pode ser mais uma desculpa!

Quem pode dedicar parte da sua renda para educação

Outra característica comum de quem pode fazer MBA é ter uma autonomia financeira para investir em um curso de especialização. Como os candidatos já apresentam certa maturidade profissional, presume-se que eles já consigam dedicar parte das suas rendas para a educação.

No começo da carreira isso pode ser mais difícil, já que os salários mais baixos nem sempre permitem ter esse tipo de despesa. Mas, a partir do momento em que há maior estabilidade financeira, as pessoas normalmente começam a pensar mais no futuro e em maneiras de fazer bons investimentos.

Quem já é formado e quer se especializar em uma área

De fato, para fazer um MBA é preciso ser formado em algum curso de nível superior. Como se trata de uma especialização, ter um diploma é um pré-requisito para dar prosseguimento aos estudos na área.

Mas acontece que nem sempre as pessoas trabalham com aquilo que estudaram na faculdade. Há inúmeros administradores trabalhando com marketing ou engenheiros atuando em vendas, por exemplo.

Isso quer dizer que investir em uma especialização é capaz de proporcionar conhecimentos diferentes daqueles já estudados, mas totalmente necessários para desempenhar novas atividades e funções.

Como os MBAs são voltados para a área de gestão e negócios, qualquer profissional que tenha interesse em assumir cargos nesse campo ou mesmo gerenciar o seu próprio negócio deve buscar adquirir esse tipo de conhecimento. Logo, não se assuste se a sua turma tiver dentistas, administradores, psicólogos, farmacêuticos, entre outros perfis.

Quem quer um diploma “de verdade”

Para finalizar, outro ponto comum entre as pessoas que procuram um MBA é o desejo por um diploma “de verdade”, que seja reconhecido e valorizado no mercado de trabalho.

Participar de palestras, treinamentos, congressos e cursos temporários não deixa de ser uma boa maneira de agregar conhecimento e experiência. Porém, não dá para negar que um diploma reconhecido pelo MEC (Ministério da Educação) tem um certo peso.

Nesse contexto, os cursos de EAD estão entre os que mais têm ganhado destaque recentemente. A qualidade e a flexibilidade desse tipo de ensino viabilizam o sonho de fazer uma especialização para muitas pessoas. Aquelas que estão distantes dos grandes centros, por exemplo, têm as oportunidades multiplicadas.

Enfim, fazer um MBA é um tipo de investimento que contribui muito para a sua capacidade de solucionar problemas, criar estratégias, gerenciar projetos e melhorar seus resultados de forma geral.

Então, independentemente de qual for a sua motivação, tenha certeza que vale muito a pena apostar em educação para garantir um melhor futuro na sua vida profissional e também pessoal.

E aí, entendeu um pouco mais sobre quem pode fazer MBA? Agora, não perca a chance de conhecer melhor os nossos cursos e encontrar aquele com o qual você mais se identifica!

 



Nosso App

Nossas Redes Sociais