Trabalhar com educação: descubra como seguir carreira na área

  • 22/dez/2017

Trabalhar com educação: descubra como seguir carreira na área

O profissional de Pedagogia é um educador capacitado para trabalhar com educação, seja atuando no planejamento, na organização ou no desenvolvimento de atividades e conteúdos da Educação Infantil e do Ensino Fundamental.

Além disso, ele pode atuar em outras atividades ligadas à educação e ao ensino, tais como a gestão escolar e a coordenação de equipes e desenvolver materiais didáticos.

Por isso, existem diferentes opções para o profissional formado na área da Pedagogia que vão além do magistério. Nem sempre o espaço da escola é o único ambiente possível, havendo mercado também em locais como empresas e ONGs.

Ficou curioso? Acompanhe nosso post e saiba mais sobre essas opções!

Educação corporativa

A educação corporativa é o treinamento empresarial que existe para dar ao profissional os conhecimentos necessários sobre as atividades que uma determinada empresa exerce. Ela vai além de um simples treinamento empresarial ou da qualificação da mão de obra do colaborador, sendo um trabalho que visa a articulação entre as competências individuais e as exigências da companhia.

A educação corporativa abre espaço para profissionais da área da educação. Existem pessoas formadas em Pedagogia que atuam durante anos no espaço empresarial ensinando novas equipes a proceder de acordo com os interesses da organização.

Esse tipo de profissional, atuando enquanto instrumento de educação na empresa, age na identificação, na seleção e no desenvolvimento de pessoas, sendo geralmente requisitado na área de recursos humanos.

Novos modelos de educação digital

Com a tecnologia, as plataformas que permitem ao aluno aprender sem sair de casa têm sido constantemente aperfeiçoadas. Casos assim são vistos em sites específicos voltados ao vestibular e cursos superiores, além de cursos livres que contemplam diferentes áreas do conhecimento.

Nesse caso, é possível que qualquer pessoa com domínio sobre determinado tema, monte seu próprio curso e passe a dar aulas online, mesmo sem sair de casa. Esse é um caminho muito interessante que deve ser aperfeiçoado nos próximos anos e ser responsável por abrir um mercado importante para o profissional da educação.

É importante também destacar o papel do pedagogo como um elemento ativo no processo de mudanças substanciais que têm envolvido a educação nas instituições de ensino — como a implementação de novas tecnologias, que são aplicadas, por exemplo, na tutoria em EAD.

Editoras

As editoras sempre ofereceram oportunidades interessantes para profissionais da área da educação. Em relação ao formado na área de Pedagogia, uma atuação possível é a elaboração de materiais didáticos.

Escolas de Ensino Fundamental precisam sempre renovar seu conteúdo para os novos alunos, e é nessa brecha que o profissional de Pedagogia pode construir a sua carreira. Além disso, livros infantis com uma abordagem mais profissional também se mostram como uma opção para quem tem preferência por escrever.

Também atuando dentro de editoras, o pedagogo pode prestar serviços como os de pesquisa e análise para o desenvolvimento de materiais didáticos, geralmente voltados para a educação básica.

Gestão escolar

É na gestão escolar que boa parte dos alunos do curso de Pedagogia consegue seu espaço no mercado de trabalho.

A função envolve a atuação na diretoria da escola, coordenando as atividades de Ensino Fundamental e Médio, ou na coordenadoria pedagógica, atuando na verificação da grade curricular dos cursos, além de ajudar os professores no planejamento das aulas.

Esse trabalho permite ao pedagogo lidar com um volume maior de alunos e atuar na orientação deles em relação à sequência de suas atividades escolares.

Pedagogia hospitalar

Existe mercado também para o profissional que atua em ambientes hospitalares, prestando assistência a crianças enquanto passam por tratamentos mais demorados.

Em casos assim, em que existe a possibilidade de o paciente perder o ano escolar e a necessidade de um trabalho voltado a minimizar o sofrimento do paciente, o pedagogo pode trabalhar com a realização de atividades lúdicas e recreativas.

Nesse tipo de atividade, é fundamental a presença do profissional formado e com experiência para lidar com as crianças, de preferência, com especialização nesse segmento da profissão.

Educação especial

Outra possibilidade de mercado para o educador é o trabalho com a educação de crianças que possuem algum tipo de deficiência, seja ela física ou mental. A educação especial é divida em três categorias:

  • dependentes — atendidos somente em clínicas, com total dependência para sua sobrevivência, e que necessitam de acompanhamento 24 horas por dia;

  • treináveis — frequentam escolas especiais e necessitam somente de ajuda e supervisão, sem a necessidade de acompanhamento em tempo integral;

  • educáveis — frequentam classes especiais e possuem vocabulário suficiente e habilidade de adaptação pessoal e social.

Cada uma dessas condições exige uma abordagem pedagógica diferente, o que exige do pedagogo o domínio dos conceitos que sustentam essas abordagens.

É bom lembrar que mesmo a inclusão em classes comuns de alunos com necessidades educacionais especiais faz com que a escola regular tenha que se organizar de maneira a oferecer acesso à aprendizagem a todos os alunos, o que abre outra possibilidade interessante para o profissional especializado.

Organizações não governamentais (ONGs)

ONGs são entidades pertencentes ao terceiro setor que exercem atividades sem fins lucrativos e podem atuar de maneira diversificada diante de questões sociais, de saúde, ambientais, entre outras.

As ONGs costumam criar projetos pedagógicos voltados a melhorar a qualidade de ensino em regiões mais carentes, o que abre um campo de atuação importante para o profissional da Pedagogia.

Na Pedagogia social, o profissional atua em espaços não formais de educação, contribuindo com um projeto em específico.

Magistério

De fato, o principal espaço de atuação do pedagogo é na escola, da seguinte maneira:

  • em escolas públicas e privadas — como professor de turmas iniciais ou gestor escolar e supervisor pedagógico;

  • na Educação de Jovens e Adultos (EJA) — como professor de jovens e adultos que não chegaram a concluir os seus estudos no tempo regular.

Enfim, embora o espaço tradicional de atuação do pedagogo seja o ambiente escolar, tanto dando aulas quanto lidando com a parte da gestão, ainda existem outras possibilidades de trabalho.

Entender o pedagogo como um profissional que trabalha com diferentes processos relacionados ao ensino, incluindo o desenvolvimento de projetos educativos, é fundamental para compreender as possibilidades desse profissional no mercado de trabalho.

Está considerando trabalhar com educação? Então não deixe de baixar o nosso e-book sobre a carreira de Pedagogia!

 






Nossos Apps

Nossas Redes Sociais