Você sabe lidar com o estresse no trabalho?

  • 22/fev/2018

Você sabe lidar com o estresse no trabalho?

Provavelmente você já sentiu o peso do estresse no trabalho ou conhece alguém próximo que já passou por isso. Infelizmente, esse grupo de pessoas parece ter crescido de maneira significativa nos últimos tempos.

Mas por que isso tem acontecido com tanta frequência? Confira o post de hoje para entender um pouco mais sobre o assunto e saber o que fazer no seu dia a dia para viver menos estressado!

Afinal, o que é o estresse?

Em primeiro lugar, vale saber que não é toda sensação de cansaço que caracteriza o estresse. Estamos acostumados a dizer que estamos estressados, mas há algumas diferenças entre estar estressado ou simplesmente cansado, esgotado, angustiado etc.

O estado de estresse constitui um quadro mais sério. As pessoas que sofrem com isso estão sempre preocupadas e não conseguem descansar, ficando cada vez mais desgastadas física e emocionalmente.

A princípio, parece uma consequência natural de quem vive uma rotina atarefada, mas com o tempo a situação se torna mais grave. O bem-estar dá espaço a outros problemas que vão surgindo e entre os principais sintomas temos:

  • dificuldade de concentração e memorização;

  • sentimento de cansaço excessivo;

  • desmotivação e apatia;

  • falta de apetite;

  • insônia ou distúrbios durante o sono;

  • queda de cabelo;

  • dores de cabeça e no corpo;

  • alterações de humor frequentes;

  • bruxismo;

  • perda de libido;

  • propensão ao consumo de álcool e outras drogas;

  • ansiedade, pânico e depressão.

De forma geral, esses são alguns sinais que o corpo apresenta de que algo não está bem. Aliás, o grande perigo é a somatização de vários desses sintomas, o que normalmente acontece quando o problema não é rapidamente diagnosticado e tratado.

Como o estresse pode afetar a qualidade de vida?

Sentir-se cansado é normal, mas não tratar um quadro de estresse com a seriedade que ele exige pode causar muitas complicações para a saúde. Imagine todos (ou a maioria) dos sintomas atuando juntos. É impossível sentir-se bem assim, não é mesmo?

Além de situações delicadas na família e problemas financeiros, a vida profissional é uma das maiores causas de viver estressado. As cobranças dos chefes, o medo de ser demitido, grandes volumes de trabalho, prazos apertados, mudanças na estrutura da empresa — enfim, há diversas razões para isso.

Como resultado, há um acúmulo de tensões e o nosso corpo tende a reagir gerando uma descarga de hormônios (como a adrenalina). Contudo, quando essa situação persiste, o organismo se enfraquece e fica realmente exaurido.

Então, além do problema em si e dos sintomas que aparecem, é provável que aconteçam ainda outros efeitos. A irritabilidade começa a atrapalhar os relacionamentos pessoais e profissionais, fazendo até com que as amizades no trabalho fiquem abaladas.

A falta de descanso faz com que a pessoa chegue para trabalhar já cansada, o que afeta sua produtividade e os resultados que entrega. A dificuldade de concentração aumenta as chances de erros que comprometem a reputação profissional, além de colocar em risco a própria vaga.

Enfim, são diversas as consequências negativas que acabam afetando toda a qualidade de vida das pessoas, principalmente quando o estado de estresse não é reconhecido e tratado a tempo.

O que fazer para lidar melhor com essa situação?

Ao reconhecer os sinais do estresse, o ideal é começar a mudar alguns hábitos para evitar uma piora do quadro. Essa atitude pode fazer toda a diferença para o bem-estar da pessoa, embora procurar um profissional especializado (como um médico ou psicólogo) também seja um ótimo caminho — principalmente para os casos mais graves.

Veja a seguir algumas dicas do que fazer para acalmar os nervos e lidar melhor com as situações estressantes.

1. Planeje melhor sua rotina

A falta de planejamento muitas vezes faz com que as pessoas fiquem sempre atribuladas, sem tempo e preocupadas com seus compromissos. E o pior, você pode acabar esquecendo coisas importantes ou procrastinando o que precisa ser feito.

Portanto, é essencial organizar-se para não deixar que as tarefas acumulem e isso cause mais tensão. Tente planejar os seus dias e administrar melhor o seu tempo, considerando seus compromissos profissionais, pessoais e também algumas folgas para alimentar-se bem, descansar, encontrar os amigos, conviver com a família etc.

Inclusive, ao se tornar mais organizado, você pode se surpreender ao encontrar mais tempo para realizar atividades que antes nem pensava que era possível como voltar a estudar ou entrar na aula de ginástica.

2. Encontre um hobby

Ninguém deve viver só de trabalho, mesmo que isso lhe traga muita felicidade e satisfação. O exagero em qualquer área da vida é capaz de trazer exaustão.

Logo, ainda que você seja muito comprometido e queira melhorar sua carreira, procure investir em outras atividades que tragam prazer. Isto é, encontre um hobby para distrair a cabeça — já pensou, por exemplo, em dedicar um pouco mais de tempo na cozinha ou aprender a tocar um instrumento?

3. Faça exercícios físicos regularmente

Como o estresse aumenta a adrenalina e a tensão corporal, é preciso encontrar um meio de gastar toda essa energia acumulada. Nesse sentido, incluir um exercício físico na rotina é uma ótima maneira de resolver essa questão e ainda usufruir dos benefícios da endorfina — o hormônio do bem-estar que é liberado com a prática de atividades físicas.

4. Procure melhorar seu ambiente de trabalho

O que é estressante no seu trabalho? Você já parou para pensar sobre isso? Talvez refletindo um pouco melhor você consiga identificar alguns pontos para aprender a lidar melhor com eles.

Dizem que para ter mais paz no dia a dia, é preciso saber se afastar de coisas negativas, evitar desentendimentos desnecessários e procurar transformar o seu ambiente.

Sendo assim, reveja o que você pode fazer para tornar o seu trabalho mais leve e prazeroso. Isso é fundamental para não perder o controle e saber manter a postura profissional independentemente das adversidades.

5. Descanse de verdade

Certamente, a privação do sono é uma das coisas que pioram ainda mais o nível de estresse. Quando não descansamos, nosso corpo não consegue se recuperar para funcionar bem no dia seguinte, entrando em um ciclo vicioso e desgastante.

Por isso, é indispensável priorizar a qualidade do seu sono e não deixar de lado os seus momentos de descanso. Dormir e acordar cansado no outro dia não é um bom sinal — se isso estiver acontecendo, fique atento e comece a tentar táticas como deitar mais cedo, desligar os aparelhos eletrônicos, evitar refeições pesadas, fazer um relaxamento, entre outras.

6. Cuide da sua mente

Por fim, não adianta cuidar do corpo e se esquecer da saúde mental. Muitas vezes, é a nossa própria cabeça que não nos deixa desligar um pouco do trabalho e das preocupações cotidianas.

Em vista disso, não deixe de tratar as suas emoções para que elas não sejam as principais motivadoras do seu estresse. Se for preciso, procure a ajuda de um profissional ou adote práticas como a meditação para ajudá-lo nessa missão.

Com o tempo, você vai ver como seguir essas dicas podem transformar sua rotina e deixá-lo muito mais feliz e relaxado para aproveitar melhor a vida!

Gostou de saber mais sobre como lidar com o estresse no trabalho? Então, que tal compartilhar este post nas suas redes sociais para informar seus amigos sobre esse assunto tão importante?!