Quer melhorar a memória? Estas 8 dicas são para você!

  • 09/out/2019

Quer melhorar a memória? Estas 8 dicas são para você!

Temos acesso a um número enorme de informações todos os dias que parece que perdemos um pouco a capacidade de focar a atenção e memorizar tanta coisa. Você também já teve essa sensação?

Pensando nisso, melhorar a memória passou a ser um objetivo para muita gente. Por exemplo, quem está vivendo uma fase de estudos intensa precisa contar com essa habilidade. Afinal de contas, guardar uma grande diversidade de conteúdos requer mesmo uma dedicação especial.

Quer saber o que fazer para facilitar esse processo? Então, confira as 8 dicas que listamos neste post!

1. Cuide das suas noites de sono

Uma das necessidades mais importantes de quem quer ter uma boa memória é dormir bem. Durante o estágio do sono profundo, nós conseguimos memorizar e fixar tudo o que aprendemos ou vivemos a cada dia.

A questão é que o corpo e a mente precisam realmente descansar, sendo assim, acumular noites mal dormidas não adianta. Por isso é que, de vez em quando, temos a sensação de não ter descansado ou recarregado a energia — o problema é que deixar que isso se repita com frequência também atrapalha a sua capacidade de memorização.

2. Reveja a sua alimentação

Outro aspecto que influencia a memória é a forma como nutrimos o nosso corpo. Uma alimentação pobre em nutrientes é capaz de causar várias complicações e desregular todo o funcionamento do organismo.

Além de ter uma dieta equilibrada, existem alimentos específicos que estimulam a função cerebral (incluindo a parte de memorização). Um bom exemplo são aqueles que possuem ômega 3 e vitamina B em sua composição. Eles podem ser encontrados em peixes de água salgada, grãos e castanhas em geral. 

Já os alimentos antioxidantes ajudam a evitar o desgaste do cérebro, sendo encontrados nas frutas vermelhas e nas críticas.

Portanto, o ideal é rever toda a sua alimentação diária para começar a adotar hábitos mais saudáveis.

3. Evite ficar estressado

O estresse é um dos inimigos da boa memória — eles dificilmente convivem bem juntos. O pior é que muitas vezes nos acostumamos a perder a paciência com as situações do dia a dia, sem notar que isso pode trazer impactos negativos para a nossa qualidade de vida.

Deixar a mente despreocupada é o melhor jeito de possibilitar que o seu cérebro foque na assimilação daquilo que é importante. Portanto, comece a identificar o que deixa você estressado para lidar com essa condição de forma diferente e se livrar desse sentimento ruim.

4. Organize uma lista de tarefas

Se você já observou que as falhas de memória estão cada vez mais constantes na sua rotina, é hora de tomar uma providência para minimizar os prejuízos que isso pode causar.

Por exemplo, esquecer alguns compromissos é algo normal durante a vida, mas não é bom que aconteça sempre, não é mesmo? O estudante que passa horas do seu dia lendo conteúdos e não consegue fixá-los também tem a sua produtividade prejudicada.

Sendo assim, tente organizar as suas tarefas em uma lista para não deixar nada importante de lado — lembre-se das famosas listas de supermercado. Descreva as suas obrigações pessoais, profissionais e acadêmicas para facilitar que a sua agenda seja cumprida sem esquecimentos.

5. Faça o possível para melhorar o seu foco

Um dos gatilhos que causa a dificuldade de memorização é a falta de foco. Quando não estamos atentos a uma atividade, fica mais difícil guardar aquele momento na memória.

Nesse sentido, faça uma apuração de quais são as suas principais fontes de distração. Dê prioridade para ambientes tranquilos na hora de trabalhar ou estudar. Além disso, desligue os dispositivos que estão sempre roubando a sua atenção.

É claro que uma hora ou outra você vai perceber que está desconcentrado novamente. Porém, entenda que o ganho da concentração é um exercício que precisa ser praticado regularmente. A meditação é uma das técnicas mais elogiadas para isso. Você já tentou?

6. Leia mais

A leitura é um hábito excelente e funciona como uma ginástica para ativar o cérebro. Além de oferecer conhecimento e diversão, ler é um exercício que gera diversos benefícios, como: melhora o vocabulário, promove a criatividade e, ainda, estimula a capacidade de memorização.

Diante disso, procure incluir no seu cotidiano alguns minutos para se dedicar à leitura. Encontre um tema do seu interesse e torne essa prática comum na sua vida.

7. Otimize a sua rotina

Estabelecer um planejamento para a sua rotina é mais uma dica para quem está precisando fugir dos lapsos de memória. Pessoas que devem tomar um remédio todos os dias e não definem uma estratégia para isso (como ingerir sempre no café da manhã ou logo depois de tomar banho) correm o risco de esquecer de tal compromisso.

A mesma coisa costuma acontecer com as crianças que não têm uma programação para fazer suas tarefas. Elas chegam em casa da escola, brincam, dormem, se alimentam, assistem TV e caem no sono. Não é muito mais fácil determinar que antes do jantar a lição precisa estar pronta?

Assim como essa, passamos por várias situações semelhantes e que requerem um pouco mais de disciplina para favorecer a memória.

8. Revise o seu dia antes de dormir

Sabe aqueles minutos quando estamos prestes a dormir? Nada de ficar no celular enchendo ainda mais a sua cabeça até ficar cansado e desligar de vez. Use essa oportunidade para exercitar a sua memória e pensar em tudo o que fez durante o dia.

Retome desde o momento que você acordou passando por todas as tarefas que realizou: o que comeu, a roupa que vestiu, os lugares que visitou, os conteúdos que consumiu, as notícias que leu, as pessoas que encontrou etc. Tudo isso funciona como um treino diário, além de normalmente ser uma boa indicação para quem sofre com insônia e ansiedade.

A verdade é que a tentativa de melhorar a memória nada mais é do que um esforço constante — e mesmo pequenas atitudes podem contribuir para um resultado final positivo. Logo, fique mais atento no seu dia a dia e tente colocar em prática as dicas acima!

Gostou do post? Para continuar acompanhando outras publicações como esta, não deixe de assinar a nossa newsletter. Temos certeza que você vai aproveitar os conteúdos!

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você