Separamos 6 habilidades gerenciais para você começar a desenvolver

  • 20/fev/2019

Separamos 6 habilidades gerenciais para você começar a desenvolver

Atuar em um cargo de gestão, embora seja o objetivo de muitos, é também algo bastante desafiador — afinal, saber liderar equipes de trabalho, engajando-as e incentivando-as a cumprirem suas funções com excelência não é uma tarefa tão simples assim. Para tanto, contar com as habilidades gerenciais que compõem um bom gestor é fundamental.

E você, já sabe de quais habilidades estamos falando? A seguir, entenda melhor sobre a importância da atuação de um gestor e como se preparar adequadamente para exercer essa função, desenvolvendo um conjunto de habilidades essenciais. Continue conosco e boa leitura!

O que caracteriza um bom gestor?

Muitas pessoas acreditam, de forma equivocada, que os gestores são apenas aqueles que ocupam cargos de chefia em uma empresa. Contudo, isso não é verdade. É preciso ter em mente que o gestor deve ser, acima de tudo, um líder, em um sentido que vai além da hierarquia.

Ele precisa ser uma pessoa reconhecida por seus liderados e que possa representar todos eles, além dos interesses corporativos. Isso porque os resultados de uma empresa dependem diretamente da eficiência da gestão, já que são os líderes os responsáveis por direcionar e organizar o trabalho de todos.

O que faz um bom gestor, além da competência e do conhecimento — que deve ser constantemente aprimorado e atualizado —, é sua eficácia em delegar tarefas, motivar e engajar as equipes de trabalho, sua inteligência emocional, sua capacidade de resolver conflitos e tomar decisões acertadas, além, é claro, de suas habilidades gerenciais.

Quando falamos delas, estamos nos referindo àquelas ligadas desde a capacidade de relacionamento interpessoal e boa comunicação até o gerenciamento de rotinas, atividades e pessoas. Elas são indispensáveis para quem busca sucesso em suas funções e crescimento profissional. A seguir, conheça as principais!

Quais habilidades gerenciais desenvolver para ser um bom líder?

1. Boa comunicação

Quando se trabalha administrando e liderando equipes, ter uma boa comunicação se torna essencial, já que quem é compreendido sempre consegue compreender. Aqui, estamos nos referindo a saber passar as mensagens desejadas com clareza e eficiência (sem gerar ruídos na comunicação interna), mantendo aberto o diálogo com todos.

Não se esqueça de que a comunicação deve sempre funcionar como uma via de mão dupla, ou seja, ouvir os outros é também crucial. Além disso, a habilidade de se comunicar bem funciona como um dos principais fatores para evitar conflitos e retrabalhos entre os times, contribuindo para a fluidez dos processos.

Pode-se afirmar que um líder que apresenta boa comunicação já tem grande parte de seu sucesso como gestor garantido, já que estará apto a engajar a sua equipe, dar feedbacks precisos e comunicar os times de maneira adequada sobre o desempenho esperado.

2. Organização

Uma característica muito importante para o gestor é a organização para gerir bem seu tempo, seus processos e os times de trabalho. Para desenvolver essa habilidade, o gestor deve procurar rotinas e métodos que facilitem os procedimentos — como aplicativos e técnicas de gestão de tempo, sistemas de Enterprise Resource Planning (ERP) etc.

Ele também deve contar com o devido planejamento para que todas as demandas sejam atendidas e alinhadas ao alcance de metas e objetivos, levando em conta também os prazos.

3. Negociação

Essa é uma habilidade que também tem muito a ver com a flexibilidade. Isso porque o gestor se encontra em meio à rotina de colaboradores, clientes, fornecedores, entre outros, e manter sempre um equilíbrio entre todos esses envolvidos é crucial para o bom funcionamento do negócio.

É justamente aqui que entra a capacidade de negociação. Para assumir um cargo de chefia, é preciso deixar de lado a intransigência e saber ser flexível (na medida do possível, é claro), de modo a negociar com aqueles que o cercam e lidar com o interesse de todas as partes.

Nesse sentido, o gestor também precisa estar pronto para lidar com resistências, que são normais e inevitavelmente fazem parte do ambiente de trabalho, onde estão reunidas várias pessoas com visões e ideias diferentes.

4. Motivação​

O bom gestor sabe que somente alcançará os resultados esperados se tanto ele quanto os liderados trabalharem com eficiência e motivação. Cabe a ele, então, não só se manter motivado, como também incentivar e valorizar os talentos, reconhecendo aquilo que está sendo feito com excelência.

Por mais simples que isso possa vir a soar, reconhecer um colaborador que tem iniciativa e resolveu uma tarefa de forma proativa, por exemplo, é algo que pode fazer toda a diferença, e o gestor deve estar sempre atento quanto a isso. Ele deve buscar também alternativas para que toda a equipe mantenha bons níveis de produtividade, oferecendo sempre um clima organizacional agradável.

5. Proatividade

A proatividade é definitivamente uma das habilidades mais valorizadas nos candidatos pelas empresas nos dias de hoje — e, para os cargos de gerência, isso não poderia ser diferente. Um bom líder deve ser proativo, ou seja, ter iniciativa e não agir apenas mediante cobranças, servindo como espelho para que os times de trabalho atuem da mesma forma.

Essa habilidade deve se estender também no que diz respeito à busca por conhecimento e atualização para tirar ideias do papel e colocá-las em prática. Um gestor que entende a importância de uma especialização, por exemplo, não se torna obsoleto em suas funções nem fica estagnado na própria carreira.

6. Empatia

Como já mencionamos, gerentes lidam com pessoas. As pessoas, por sua vez, não apresentam comportamentos sempre previsíveis — isso quer dizer que suas exigências e respostas são, grande parte das vezes, condicionadas pelas circunstâncias e por suas necessidades individuais.

Dessa forma, uma habilidade essencial aos gestores e que não poderia ficar de fora desta lista é a empatia. Seja para mediar conflitos, seja para lidar com as reclamações ou constatações de um colaborador, ele deve saber ouvir o que o outro tem a dizer e se colocar no lugar do próximo para, assim, definir o melhor a ser feito.

Essas foram algumas das principais habilidades gerenciais para quem deseja atuar como gestor. A melhor forma de desenvolvê-las, preparando-se também para trilhar uma carreira de sucesso, é buscar conhecimento e atualização. Dessa forma, você não só saberá lidar com as funções e atividades de um líder, como também estará apto a colaborar com o crescimento do negócio e dos times de liderados.

Gostou de saber quais são as habilidades gerenciais fundamentais a um bom gestor? Caso tenha uma sugestão de habilidade que mereça entrar para a lista ou até mesmo para tirar alguma dúvida sobre o tema, deixe agora mesmo o seu comentário no post!

 

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você

Nosso App

Nossas Redes Sociais