Quer ser professor? Saiba o que é e como funciona a Formação Pedagógica

  • 11/maio/2020

Quer ser professor? Saiba o que é e como funciona a Formação Pedagógica

Tempo de Leitura: 4 minutos

Quem já é formado em um curso de bacharelado mas sonha em dar aulas no Ensino Fundamental e Médio pode encurtar o caminho para a docência adquirindo uma licenciatura por meio da Formação Pedagógica, que geralmente dura um ano ou um ano e meio.

Como os cursos de bacharelado não estão focados na capacitação de professores, a Formação Pedagógica passa a ser uma excelente alternativa para complementar os estudos e ficar apto a seguir carreira na educação sem precisar fazer um curso longo de licenciatura.

Se você está interessado nessa formação, não deixe de ler o post. Vamos explicar como funciona e sugerir opções promissoras na área. Confira!

O que é Formação Pedagógica?

Trata-se de uma licenciatura de curta duração para bacharéis e tecnólogos de qualquer área que desejam ser professores — seja no setor público, seja no setor privado — como um engenheiro que deseja dar aulas de Física ou Matemática. O mercado de trabalho para professores licenciados é amplo, o que justifica a alta procura pelos cursos de Formação Pedagógica.

Profissionais com essa habilitação poderão atuar em diversos níveis da educação: Ensino Fundamental, Ensino Médio, Educação de Jovens e Adultos, Ensino Profissionalizante, Educação Inclusiva e Educação a Distância. Além de as possibilidades de trabalho serem amplas, existe um grande déficit de professores no país, o que aumenta as chances de conseguir uma boa vaga.

Só para você ter uma ideia, em 2014, o Tribunal de Contas da União (TCU) fez um levantamento apontando que, no Brasil, faltam mais de 30 mil docentes com formação específica para atuar no Ensino Médio. Além disso, outra auditoria do TCU, realizada em 2017, apontou que 22% dos professores estão fora da sala de aula, geralmente cedidos a outros órgãos — o que também aumenta consideravelmente a disponibilidade de vagas no mercado.

Como funciona um curso de Formação Pedagógica?

Geralmente, um curso de Formação Pedagógica tem duração de um ano ou um ano e meio, podendo ser realizado na modalidade EAD. Inclusive, para quem precisa equilibrar uma jornada dupla (ou tripla!), essa é a melhor opção. Afinal, estudando a distância, o aluno organiza seu próprio cronograma de estudos e consegue se dedicar melhor às aulas sem atrapalhar os demais compromissos. Ou seja, dá para trabalhar e estudar ao mesmo tempo tranquilamente.

Como vimos, esse tipo de formação é voltada para profissionais não licenciados. No entanto, é obrigatório que o aluno já tenha um diploma de bacharel ou tecnólogo em qualquer área do conhecimento. Mas você deve estar se perguntando qual a principal diferença entre o bacharelado e a licenciatura, certo? O bacharelado forma profissionais para atuarem de forma mais ampla e diversa, priorizando uma forte linha teórica.

Já o objetivo da licenciatura é formar profissionais devidamente habilitados para lecionar na área de ensino que escolheu. Nesse caso, além da abordagem teórica, o aluno também cursa disciplinas da área da Pedagogia, focadas em conteúdos sobre didática, metodologia de ensino, fundamentos da educação, entre outros assuntos pertinentes à atuação pedagógica.

Portanto, quem deseja ser professor tem duas opções principais: fazer uma licenciatura, matriculando-se em uma nova graduação desde o início, ou fazer a Formação Pedagógica para complementar seus estudos e adquirir os conhecimentos necessários à docência. A segunda opção, sem dúvida, é muito mais vantajosa, tendo em vista que o curso é de curta duração.

Qual é a diferença entre Formação Pedagógica, Segunda Licenciatura e Complementação Pedagógica?

Como se trata de formações semelhantes, é normal que os interessados se sintam confusos sobre qual delas escolher. Pensando nisso, descrevemos brevemente os objetivos de cada uma delas a seguir:

Powered by Rock Convert

Formação Pedagógica

O foco é formar professores em curto tempo para atuarem como licenciados. Somente poderá fazer a Formação Pedagógica quem já concluiu um curso de nível superior com titulação de bacharel ou tecnólogo, qualquer que seja a área de atuação.

Segunda Licenciatura

O foco da Segunda Licenciatura é graduar profissionais já licenciados que queiram atuar em outra área de ensino, ou mesmo paralelamente com a primeira. Por exemplo: um professor que deseja dar aulas de Química, porém é licenciado em Matemática, deverá cursar a Segunda Licenciatura para poder lecionar a nova matéria.

Complementação Pedagógica

Assim como a segunda licenciatura, a Complementação Pedagógica também é indicada para profissionais já licenciados que desejam expandir as áreas de atuação, podendo inclusive trabalhar em funções de gestão. A grande diferença é que se trata de um curso de curta duração, assim como a Formação Pedagógica.

Quem pode fazer um curso de Formação Pedagógica?

Poderão fazer esse curso os profissionais com diploma de bacharel ou tecnólogo em qualquer área de atuação.

Quais são as opções de cursos de Formação Pedagógica?

Existem diversos cursos de Formação Pedagógica nas diferentes áreas de ensino. Em seguida, listamos duas opções que estão entre as mais procuradas: Língua Portuguesa e História.

Letras – Língua Portuguesa

A Formação Pedagógica em Letras – Língua Portuguesa é direcionada para profissionais com diploma de nível superior que desejam dar aulas de Letras – Língua Portuguesa na Educação Básica. O curso tem duração média de um ano e seis meses. Caso o aluno já seja licenciado em alguma área do conhecimento, poderá haver isenção de algumas matérias, acelerando ainda mais a nova formação.

Algumas das disciplinas oferecidas no curso são: Teoria da Literatura; Filosofia e Educação; Língua Latina; Teoria do Discurso Poético; Literatura Brasileira e Linguística. A grade curricular também contempla dois estágios supervisionados.

História

A Formação Pedagógica em História é direcionada para profissionais com diploma de nível superior que desejam ser professor de História na Educação Básica. Assim como na Formação Pedagógica em Letras, o curso também tem duração de um ano e meio, podendo ser reduzido caso o aluno já seja licenciado em alguma área compatível com as disciplinas oferecidas.

Algumas das disciplinas do conteúdo programático são: Teoria da História; História Antiga; História do Brasil; História Moderna e Projetos e Práticas Educacionais: Educação e Gestão. A grade curricular também contempla dois estágios supervisionados.

Como você viu ao longo do post, investir na Formação Pedagógica é uma estratégia inteligente para aprimorar seus conhecimentos e ampliar as possibilidades de atuação. Tudo isso em um curto espaço de tempo, permitindo dar aquela valorizada no currículo sem comprometer as suas obrigações.

Apenas lembre-se de que, para obter um diploma reconhecido e valorizado no mercado, é essencial contar com uma instituição de qualidade e bem avaliada pelo Ministério da Educação (MEC).

Ficou interessado? Entre em contato conosco e veja quais são as formas de ingresso!

[eBook] Tecnologia da InformaçãoPowered by Rock Convert

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você