Como melhorar a concentração pode aumentar suas chances de promoção?

  • 10/jul/2019

Como melhorar a concentração pode aumentar suas chances de promoção?

“Como melhorar a concentração?” — essa é uma das perguntas que mais são feitas entre os profissionais que buscam uma promoção na empresa em que atuam. Afinal de contas, é inegável que um colaborador focado no trabalho tem uma melhor relação com os colegas e apresenta um desempenho mais satisfatório que contribui diretamente para o sucesso do setor, o que o faz ser bem visto pelos seus superiores.

Pensando nisso, reunimos, neste post, alguns exemplos que mostram por que vale a pena desenvolver essa habilidade e como ela pode impulsioná-lo a ser promovido a cargos mais importantes e de destaque dentro da companhia. Acompanhe!

Maior produtividade

Para começar, o primeiro exemplo é simples: quanto mais focado o profissional é, maior será a produtividade dele durante o dia. Isso porque será capaz de começar uma tarefa e continuar nela até terminá-la, sem recorrer às pausas excessivas, às protelações ou aos adiamentos desnecessários.

Dessa forma, será mais fácil cumprir a sua agenda, não ficar com atividades pendentes e nem será preciso levar trabalho para casa — o que acaba reduzindo o seu tempo livre e fazendo com que você abra mão da sua vida pessoal. Tudo isso é ainda mais importante quando se trabalha com o esquema de metas, ou seja, quando você deve atingir pontuações contínuas para mostrar o seu valor à organização.

Otimização do aprendizado

Um segundo exemplo é a otimização do aprendizado. Isso porque, ao trabalhar o condicionamento da sua atenção, você consegue se dedicar com mais facilidade a novos ensinamentos (desde aqueles mais teóricos até os que envolvem questões matemáticas). E o principal: consegue replicá-los na sua rotina laboral em menos tempo.

Isso é possível porque você se torna mais confiante em si, deixa para trás velhas crenças limitantes e entende que aprender coisas novas nunca é demais. Ao contrário, o problema é justamente permanecer na zona de conforto por conta do medo de ter que se atualizar e recomeçar outras vezes.

Com essa nova postura, você chama a atenção dos seus chefes e se mostra alguém apto a continuar na empresa caso a mesma passe por restruturações internas e novas contratações de colaboradores.

Melhora na retenção de informação

O aumento na retenção de informação é algo bastante conectado com o que falamos no tópico anterior. Afinal, quanto maior a capacidade de foco em uma atividade, maior será a absorção de dados, o aprendizado sobre como eles funcionam e podem ser usados ao seu favor e, consequentemente, a facilidade de trabalhar com eles no dia a dia.

É justamente por isso que profissionais com um alto nível de concentração acabam se destacando dentro das equipes e assumindo funções bem específicas para que não haja falhas que comprometam a companhia (ainda mais no quesito financeiro). Dentre essas funções, estão:

  • a elaboração de projetos de expansão da marca;
  • o controle e a manutenção de softwares;
  • a gestão de contas internas da organização;
  • a redação de contratos de fornecedores e parceiros comerciais;
  • a negociação de compra/venda de serviços e produtos.

Maior comprometimento com prazos

Ao melhorar a concentração, você desfruta de algo que faz toda a diferença no ambiente laboral: o maior comprometimento com prazos. Isso porque é comum encontrar funcionários que deixam acumular atividades, procrastinam com facilidade e que em situações de maior volume de trabalho não conseguem dar conta das atividades para as quais foram designados — o que gera diversos problemas.

Basta ter em mente que com isso a empresa sofre, pois deixa de lucrar e de expandir os negócios como o planejado. Porém, quem se concentra com mais facilidade consegue organizar melhor a rotina, ordenar as funções por prioridade e delimitar melhor o tempo para cada tarefa. Dessa forma, consegue cumprir com as expectativas da companhia e evitar que ela não cumpra as próprias metas mensais.

Aumento da capacidade de liderança

Se você é produtivo, aprende com facilidade novos assuntos, retém uma gama maior de informações e ainda é comprometido com prazos, inevitavelmente estará apto para comandar outras pessoas, seja de forma temporária em projetos mais simples, seja de forma definitiva nos complexos setores da organização. 

Isso porque você vai se destacar entre os seus colegas pelo nível de competência que apresenta e ganhar a confiança de quem está em cargos superiores. Dessa forma, a empresa terá um case perfeito de sucesso de um colaborador que começou por baixo e que, pelo próprio esforço, empenho, resiliência e investimento constante no autoaprimoramento das habilidades, chegou a patamares mais altos.

Ou seja, um líder que vai inspirar os subordinados e ainda poderá cobrar todas essas características deles sem titubear, uma vez que ele próprio é um exemplo de que é possível desenvolvê-las e aperfeiçoá-las.

Incremento na qualidade de vida

Por fim, um último exemplo de como melhorar a concentração é algo positivo é que você alcança um incremento na própria qualidade de vida. A razão disso é simples: quando se você se esforça para ser um profissional que sabe equilibrar as atividades desempenhadas no trabalho, dando a devida atenção a cada uma delas, naturalmente você se torna mais reconhecido e com mais chances de conquistar um melhor salário.

Logo, com um melhor retorno financeiro, é possível montar um pé de meia para o seu futuro, realizar um curso que você desejava há tempos, praticar hobbies, viajar com a família e muito mais. Coisas simples e por vezes pequenas, mas que são capazes de contribuir para o seu bem-estar físico e mental, gerar momentos alegres, proporcionar novos lazeres etc.

Viu só como melhorar a concentração pode impactar positivamente tanto a sua vida pessoal quanto a sua vida profissional? Isso sem falar, é claro, que ela ainda pode beneficiar os seus estudos e, assim, facilitar a conquista de uma maior qualificação para o mercado de trabalho por meio de uma graduação e uma pós-graduação. Portanto, vale a pena adotar técnicas para treinar o foco, rever antigos hábitos e, inclusive, fazer treinamentos para desenvolver essa habilidade.

E já que falamos em técnicas de concentração, conheça agora mesmo oito delas que o ajudam a ser mais produtivo nos estudos!

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você