Saiba o que levar em consideração para escolher uma especialização

  • 12/dez/2018

Saiba o que levar em consideração para escolher uma especialização

As empresas estão cada vez mais em busca de candidatos diferenciados e preparados para atender às principais demandas do mercado atual, marcado pela exigência e pelos altos índices de competitividade. Para tanto, um dos principais passos tomados pelos profissionais é o ingresso em cursos superiores como pós-graduações. Mas o que é necessário considerar ao escolher uma especialização?

Elas oferecem uma série de vantagens para o profissional, como ampliação e aperfeiçoamento de conhecimentos, possibilidades de networking, maiores chances de alavancar uma carreira de sucesso e receber melhores remunerações, entre outras. Contudo, é preciso saber como escolher aquela que mais agregará a cada um. É justamente isso que você aprenderá neste post. Vamos lá?

Entenda a importância de uma especialização

Além de todas as vantagens que já mencionamos até então, os benefícios de ingressar em uma especialização não param por aí. É preciso ter em mente que o dinamismo do mercado faz com que os profissionais precisem estar sempre preparados e atualizados para lidar com as suas principais tendências e exigências.

Quando um colaborador busca desse conhecimento para se qualificar e atualizar dentro da sua área de atuação — ou até mesmo para se recolocar em outro campo —, ele é visto pelas empresas como alguém de iniciativa, proatividade e interessado no aprendizado contínuo, capaz de agregar à empresa e aos seus resultados.

A especialização é também uma forma eficaz de se destacar em um cenário no qual, a cada ano, se formam cada vez mais e mais profissionais. Entre os tantos candidatos que apresentam seus diplomas de graduação, aqueles que se dedicam a segmentos específicos têm as maiores chances de serem selecionados para as melhores oportunidades.

Isso ocorre porque, além do conhecimento, são desenvolvidas por meio de especializações certas habilidades muito valorizadas no cotidiano profissional, como capacidade de inovar e resolver problemas, bom relacionamento interpessoal, entre outras. Dessa forma, podemos afirmar que, mesmo que uma especialização por si só não seja uma garantia de ascensão profissional, ela representa um grande peso no currículo do candidato.

Veja o que considerar ao escolher uma especialização

Perfil profissional

O seu perfil profissional é um aspecto determinante na hora de escolher uma especialização, pois existem diferentes especializações para objetivos variados. Para quem deseja ser professor e seguir uma carreira na área acadêmica, por exemplo, o ideal é buscar por uma pós-graduação stricto sensu — ou seja, um mestrado ou doutorado.

Agora, se o que você procura é adquirir competências e desenvolver habilidades e conhecimentos direcionados à sua área de atuação e às demandas do mercado, recebendo uma formação focada na prática, a melhor ideia é escolher um curso na modalidade lato sensu, como os de especialização, MBA executivo etc.

Seus objetivos com a especialização

Antes de ingressar em uma especialização, você precisa entender quais são, de fato, os seus objetivos com o curso. Deseja aperfeiçoar seus conhecimentos para conquistar uma promoção em sua área de atuação? Quer buscar novas oportunidades ou dar um up em sua carreira para receber melhores remunerações? Considere esses aspectos e, se precisar, ponha tudo na ponta do lápis.

Uma boa escolha aqui vai depender do alinhamento entre seus objetivos pessoais e profissionais, portanto, o primeiro passo é sempre fazer um trabalho de autoconhecimento.

Mercado

É igualmente importante contar com uma visão ampla de mercado antes de escolher uma especialização. Você provavelmente deve estar se perguntando sobre o que isso quer dizer, não é mesmo? Bom, estamos dizendo que ingressar em um curso baseando-se somente naquilo que é tendência ou por ter uma afinidade com alguma disciplina ofertada é algo que tem grandes chances de não dar certo.

É preciso ter em mente que, quando analisados isoladamente, esses são critérios altamente instáveis. Para não cair nesse equívoco, pesquise bastante sobre o curso, sua grade curricular, suas perspectivas futuras e como ele poderá ajudar na conquista de seus objetivos.

Vamos a um exemplo: você é formado em jornalismo e já atua na área. Embora não tenha muita prática com as redes sociais num contexto profissional, sabe o quanto elas podem contribuir com o trabalho que você já está exercendo ou quer exercer. Como elas são plataformas que vêm crescendo continuamente a cada ano, você identificou que essa é uma boa área para se especializar.

Custo-benefício

A relação de custo-benefício de uma especialização é também um bom critério de escolha. Felizmente, esses cursos apresentam uma menor duração — de, no mínimo, 360 horas — quando comparados aos de graduação, o que já representa um alívio para quem está trabalhando e não tem muito tempo disponível. Dessa forma, é possível se especializar em pouco tempo e colher prontamente as vantagens desse investimento.

Além disso, há atualmente um grande número de cursos de especialização na modalidade a distância, garantindo mais uma vez um custo-benefício positivo para quem busca se especializar, mas precisa conciliar essa capacitação com a rotina de trabalho. Optando por um curso EAD, o aluno tem flexibilidade para montar seus próprios horários e pode estudar de onde quiser, no tempo que tiver disponível.

Instituição de ensino

Por fim, mas definitivamente não menos importante, é preciso incluir a instituição de ensino na lista dos aspectos que você precisa considerar antes de escolher uma graduação. Para que o investimento realmente valha a pena, é fundamental selecionar uma faculdade de excelência e experiência, com boa penetração no mercado de trabalho.

Para tanto, avalie critérios como corpo docente, metodologia de ensino, presença de tutores EAD (um diferencial de grande relevância), entre outros. Outra dica, aqui, é pesquisar bastante sobre a instituição na internet e considerar também os depoimentos de alunos e ex-alunos.

Agora você já sabe o que considerar na hora de escolher uma especialização e entende como ela pode ser de extrema importância para que um profissional trilhe caminhos de sucesso. Sendo assim, utilize as dicas do post, opte por uma instituição de ensino de qualidade e dê esse passo fundamental para o alcance de seus objetivos pessoais e profissionais.

Para reforçar ainda mais essa sua decisão, separamos um artigo que reúne 8 motivos para ingressar em uma pós-graduação. Vamos conferir? Esperamos você por lá!

 

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você

Nosso App

Nossas Redes Sociais