Aprenda o que é um cargo C-level e saiba como conquistá-lo!

  • 01/fev/2019

Aprenda o que é um cargo C-level e saiba como conquistá-lo!

O universo corporativo, assim como demais segmentos, conta também com suas próprias nomenclaturas. Entre elas, podemos destacar um termo que vem sendo utilizado cada vez mais pelas empresas e durante os processos de recrutamento e seleção — o cargo C-level. Ele está encaixado no contexto de uma nova estrutura executiva de gestão responsável por levar os negócios a novos patamares.

E você, já sabe o que seria um cargo C-level e como se preparar adequadamente para assumir essas posições? Caso a resposta seja negativa, não se preocupe! Foi justamente pensando em ajudá-lo e a tirar as suas dúvidas que preparamos este post. Vamos lá?

O que é um cargo C-level?

Em assuntos relacionados ao mundo corporativo, é bastante comum ouvir falar em CEOs, CFOs, COOs, entre outros. É preciso entender, antes de tudo, que esses são os famosos cargos C-level — também conhecidos como C-suíte. Trata-se de posições de liderança cujos nomes se iniciam sempre com a palavra “chief” (em português, “chefe” ou “diretor”)

Dessa forma, o termo C-level é utilizado sempre para designar coletivamente os executivos seniores mais altos de uma empresa. Em muitos casos, são os próprios fundadores das organizações que ocupam essas posições, mas isso não é uma regra. As companhias podem também contratar e posicionar profissionais para tais cargos. O principal é que eles contem com capacidade de liderança e expertise de negócios.

Entre os principais cargos C-level, podemos citar:

CEO (Chief Executive Officer)

Trata-se da posição mais alta na hierarquia da empresa, além da sigla mais famosa do meio — é muito provável que você já tenha se deparado ou escutado falar nela por aí, não é mesmo? Isso porque já foi e continua sendo o cargo de profissionais muito relevantes no universo corporativo, como Steve Jobs (Apple), Bill Gates (Microsoft), Mark Zuckerberg (Facebook), entre outros.

O CEO é o responsável por criar um plano de ação executável para o negócio e manter todos os colaboradores alinhados e engajados na busca por esses objetivos. Ele também deve levantar capital para expandir as atuações da empresa e guiar o desenvolvimento de talentos.

CFO (Chief Financial Officer)

O CFO é um dos principais pilares da empresa. Afinal de contas, não adianta simplesmente ter uma visão estratégica de negócios e times amplamente capacitados para executá-la se o setor financeiro não estiver operando em dia e de forma adequada.

É aí que entra a atuação desse profissional, que assume uma posição de diretor financeiro e é o responsável por gerenciar o capital da organização, bem como seus fluxos e resultados. É o CFO que mantém os investidores informados sobre o andamento das operações, assegurando-os de que existe capital financeiro suficiente para possibilitar o crescimento do negócio.

COO (Chief Operating Officer)

Esse é um profissional que atua como braço direito do CEO dentro das empresas, já que tem como um de seus principais objetivos fazer com que a visão dele se concretize em todos os aspectos. De forma geral, o COO é o diretor de operações do negócio, responsável por cuidar de perto de todos os seus fluxos e rotinas.

Para tanto, ele verifica sempre questões como o alcance de metas, qualidade das entregas, resultados financeiros, produtividade, entre outras. Justamente por cuidar de perto do andamento das atividades da empresa, ele dedica tempo e esforços para as questões estratégicas do negócio.

CMO (Chief Marketing Officer)

O CMO é, certamente, uma peça-chave para o sucesso do negócio, sobretudo entre aquelas empresas que se encontram em setores amplamente competitivos e que precisam colocar a função de gerenciamento de marca como uma de suas prioridades. É ele o responsável por conduzir e supervisionar as ações de marketing, visando atrair e fidelizar clientes.

Nos últimos anos, com o boom e fortalecimento das plataformas digitais, focar na experiência do consumidor por diferentes canais (físicos e digitais) é uma necessidade. Por isso, o CMO atua com sua visão crítica apurada, criando e desenvolvendo estratégias nesse sentido. Se o COO é braço direito do CEO, o CMO é o seu braço esquerdo.

Como é o recrutamento para posições desse nível?

A contribuição dos profissionais C-level é parte fundamental no sucesso da organização, já que a implantação de qualquer mudança, antes de chegar aos colaboradores, deve se iniciar a partir dessas lideranças. São eles os responsáveis por conectar os trabalhadores aos princípios, visões e objetivos do negócio. Nesse sentido, é normal que o recrutamento para posições desse nível se dê a partir de vários critérios.

Entre os principais aspectos a serem considerados no recrutamento para um cargo C-level, estão:

  • as necessidades da empresa;

  • o currículo e a experiência do profissional;

  • uma análise aprofundada de seu perfil profissional;

  • as suas competências técnicas, sobretudo como líder;

  • habilidades como boa comunicação, pensamento estratégico, inteligência emocional, consciência situacional, entre outras;

  • a compatibilidade do profissional com a cultura da empresa;

  • a aprovação dos demais diretores e conselheiros.

Como se preparar para conquistar um cargo C-level?

Invista em uma especialização

Para estar no topo de um negócio, é preciso, mais do que nunca, investir em educação continuada. É dessa forma que o profissional se prepara adequadamente para atuar em um cargo C-level, aperfeiçoando e aprimorando conhecimentos fundamentais ao exercício da função. Além disso, por meio especializações, pós-graduações, MBAs etc., é possível desenvolver as principais competências técnicas necessárias para se tornar um bom líder.

Lembre-se de que os profissionais de cargos C-level são líderes imediatos, além de fortes influências para os times de trabalho. Sendo assim, se eles não se desenvolverem de forma adequada, é muito difícil que consigam fazer com que a equipe faça isso. O mais indicado, então, é buscar cursos de qualidade que poderão agregar ao seu currículo, fazendo você se destacar de outros candidatos.

Mantenha-se atualizado

O mercado atual vem passando por constantes mudanças. Para se ter uma ideia, estamos já na quarta revolução industrial — e, nesse contexto, as mais diversas tecnologias e automações estão presentes mais do que nunca na atuação das empresas, independentemente de seus tamanhos ou segmentos.

Sendo assim, se manter atualizado e a par das principais tendências de negócios, relacionadas especialmente à sua área de atuação, é crucial. Um profissional apto a atuar em cargos de liderança deve saber, também, aplicá-las na prática e não deve ter medo de mudanças, visto que essa não é uma estratégia boa para crescer.

Saiba promover a sua marca pessoal

Um bom líder deve saber estabelecer a sua marca pessoal, ou seja, uma identidade que faz com que ele seja reconhecido no mercado. Para tanto, é interessante conhecer e saber aplicar da melhor forma possível (de modo a não causar o efeito contrário) técnicas de personal branding. Uma dica válida, aqui, é investir na presença digital em plataformas voltadas para o mundo corporativo, como o LinkedIn.

Antes de arquitetar a sua marca pessoal, estude bastante sobre o tema e reflita como você deseja ser visto no mercado de trabalho — por exemplo, como um profissional estratégico? Operacional? Inovador?

Entre outras dicas para se tornar um profissional de cargo C-level, temos:

  • mantenha o foco na resolução de problemas;

  • não duvide do poder do networking;

  • preencha as lacunas e gaps de competências em seu perfil.

Pronto! Agora você já entende o conceito de cargo C-level e sabe como se preparar da melhor forma possível para assumir um. Lembre-se de que a atuação dos profissionais nessas posições é vital para o crescimento e longevidade do negócio — e eles precisam agir de forma estratégica para liderar e engajar os colaboradores. Sendo assim, contar com uma formação adequada faz, definitivamente, toda a diferença.

E então, gostou do tema que abordamos neste post? Para continuar sempre por dentro de mais conteúdos importantes para a sua formação e carreira, não fique de fora: assine agora mesmo a nossa newsletter!

 

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você