Como a prática de estudar em casa pode garantir o seu sucesso?

  • 21/dez/2018

Como a prática de estudar em casa pode garantir o seu sucesso?

Com a ascensão da educação a distância, é cada vez maior o número de jovens e adultos que decidem estudar em casa, montando os seus próprios horários e contando com toda a flexibilidade e relação custo-benefício que essa modalidade oferece em relação à presencial.

No entanto, é muito importante entender que existem certas características a serem priorizadas por quem segue esse caminho, bem como alguns desafios que precisam ser driblados para garantir conquista de bons resultados. Quer entender melhor sobre o que estamos falando e saber como a prática de estudar em casa pode garantir o seu sucesso? Acompanhe o post!

Quais características devem ser priorizadas ao estudar em casa?

Disciplina

Uma das principais características do aluno que estuda em casa é a disciplina — inclusive, grande parte dos recrutadores já está treinada para observar essa habilidade em candidatos que optaram pela EAD.

Trata-se de um fator muito importante, afinal, a flexibilidade de estudar em casa definitivamente não significa que há tempo de sobra para se dedicar ao curso apenas quando você achar necessário.

É preciso ter disciplina para montar um bom planejamento, como veremos a seguir, saber criar o hábito de cumprir com o seu cronograma, sabendo quando cada atividade deve se iniciar e terminar e, ainda, para saber se desviar das distrações, como televisão, celular, barulhos etc.

Planejamento

Quem opta por estudar em casa sabe da importância de fazer um planejamento consistente de sua rotina de estudos. O melhor de tudo é que isso pode ser feito de acordo com o tempo que você tem disponível, beneficiando, inclusive, aqueles que precisam equilibrar estudo e trabalho fora de casa.

Já no decorrer de um curso a distância, o aluno deve dedicar diariamente uma parte do seu tempo para assistir às aulas, ler os materiais e fazer os exercícios. Para facilitar, é interessante montar um cronograma com o que estudar, quando e por quanto tempo.

A verdade é que, comparado a um curso presencial, a EAD permite uma maior flexibilidade e independência por parte do estudante para montar os seus próprios horários de acordo com estratégias que atendam às suas demandas cotidianas. Contudo, essa é uma vantagem que deve ser aproveitada de forma sábia e com responsabilidade.

Equilíbrio

Estudar em casa definitivamente não significa passar noites em claro em frente ao computador ou em cima de apostilas pensando que, dessa forma, a fixação do conteúdo será potencializada.

O aluno que estuda em casa deve saber organizar muito bem os seus momentos dedicados ao estudo e ao descanso, montando uma rotina a ser seguida diariamente. Aqui, é importante também destacar que as pausas são necessárias para melhorar o rendimento, impedindo que você se desgaste e tenha o seu foco e a sua concentração reduzidas ao estudar.

Quais são os principais desafios de estudar em casa?

Métodos de estudo

Um bom aprendizado está relacionado diretamente à dedicação por parte do aluno e aos métodos que ele usa para fixar o conteúdo e fortalecer o conhecimento. Mas, ao estudar em casa, como escolher as melhores técnicas de estudo e garantir bons resultados?

Trata-se de um desafio bastante comum, porém, fácil de ser resolvido quando se tem em mãos as informações sobre os principais métodos de estudos — alguns, inclusive, cientificamente comprovados. Para ajudar você, separamos abaixo alguns dos mais utilizados:

Revisão

As revisões são, sem dúvidas, excelentes formas de guardar e fixar aquilo que está sendo estudado. No entanto, é válido destacar que as principais informações são perdidas pelo nosso cérebro, de acordo com a curva do esquecimento, nas primeiras 24 horas. Sendo assim, revisar bem durante esse período é essencial.

Para tanto, reveja tudo aquilo explicado durante a aula ou que foi lido por você nos seus materiais de estudo, de preferência, fazendo resumos e anotações, como veremos a seguir.

Resumo

Além das revisões, os resumos, fichamentos e anotações são outras formas de guardar bem os conteúdos. Embora alguns alunos optem por apenas grifar os trechos dos textos, reescrever as informações, sobretudo com as suas próprias palavras, é uma alternativa de aprendizado ainda mais eficiente.

Teste prático

Reforçar aquilo que foi aprendido por meio de testes práticos é fundamental, especialmente depois de fazer revisões e resumos. Trata-se de uma estratégia eficaz para assimilar os assuntos e testar o seu conhecimento; portanto, não deixe de fazer as listas de exercícios em seus materiais de estudo. Para aqueles que querem ir ainda além, é possível encontrar na internet simulados e atividades dos mais variados assuntos.

Técnica Pomodoro

A técnica Pomodoro não é nenhuma novidade: ela foi criada em 1980 e, desde então, vem sendo amplamente utilizada por estudantes e trabalhadores de todos os segmentos. A metodologia se baseia na divisão do trabalho (ou estudo) em blocos de 25 minutos, melhorando a agilidade do cérebro e o foco na execução das atividades. Para tanto, siga as instruções:

  • liste as tarefas a serem realizadas (como leitura de conteúdo, execução de listas de exercícios etc);

  • programe um cronômetro ou despertador para 25 minutos;

  • escolha uma tarefa na lista, baseando se em critérios de prioridade, e realize-a sem distrações;

  • quando o cronômetro ou despertador tocar, faça uma pausa de 5 minutos;​

  • terminando a tarefa, risque-a da lista e comece a próxima;

  • a cada quatro blocos de tempo, a pausa passa a ser de 30 minutos.

Metas e objetivos

Mesmo ao estudar em casa, é importante que você acompanhe a sua própria evolução para conquistar sempre bons resultados. Como é o aluno que monta os seus próprios horários, ele deve ser capaz de saber se a sua rotina de estudos está, de fato, sendo eficiente, o que pode ser um grande desafio.

Para tanto, é preciso estipular metas e objetivos e se esforçar ao máximo para alcançá-los. Isso vale para a quantidade de exercícios feitos, de aulas assistidas e para tudo que envolva o seu planejamento de estudos. Dessa forma, os resultados positivos certamente aparecerão nas provas e trabalhos online.

Ao fazer uma lista de exercícios, por exemplo, uma ideia interessante é definir uma meta que seja proporcional à nota que você deseja tirar na próxima prova. Assim, se ao concluir as atividades você conseguir acertar acima de 80% das questões, dificilmente a sua nota será menor que isso no exame. Caso não consiga cumprir esse objetivo, tente rever seus métodos.

Espaço para estudar em casa

Por fim, mas definitivamente não menos importante, temos o espaço para estudar em casa. Por incrível que pareça, o local onde você senta para se dedicar aos seus estudos pode influenciar positiva ou negativamente o seu rendimento em um curso a distância. Sendo assim, um dos principais desafios, aqui, é manter a atenção aos seguintes fatores ao preparar o ambiente escolhido:

  • organização: estudar em ambientes em que a desorganização, o acúmulo de objetos e a falta de limpeza prevalecem é um convite para que seu foco seja desviado sem que você ao menos perceba;

  • iluminação: o espaço deve ser bem iluminado, recebendo, de preferência, luz solar durante o dia;

  • barulho: um ambiente barulhento atrapalhará a sua concentração e impedirá que você mantenha 100% do foco no conteúdo estudado. Caso o seu espaço não conte com o silêncio desejado, uma dica é optar pelo uso de protetores auriculares.

Viu só como estudar em casa tem as suas vantagens e desafios? É importante que o aluno consiga manter o foco e a dedicação para seguir a fundo o seu planejamento e conquistar sempre bons resultados, sabendo driblar tudo aquilo que pode representar uma distração ou impedimento. Sendo assim, não deixe de colocar em prática as dicas listadas no artigo.

E você, já tem alguma experiência no assunto ou vai começar a estudar em casa? Então, vamos conversar sobre isso! Deixe agora mesmo o seu comentário no post e participe da discussão.

 

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você



Nosso App

Nossas Redes Sociais