Entenda a relação entre trabalho voluntário e carreira profissional

  • 22/fev/2019

Entenda a relação entre trabalho voluntário e carreira profissional

Com a crescente competitividade no mercado de trabalho, os profissionais se veem sempre diante da necessidade de aprimorar seu perfil para alcançar melhores oportunidades. A boa notícia é que não há apenas uma maneira de fazer isso. Por exemplo, uma estratégia bastante útil e ainda pouco reconhecida é o trabalho voluntário.

Você sabia que nem só de diplomas e empregos formais se faz um currículo? Experiências diversas também podem contribuir para o desenvolvimento de novas habilidades e o crescimento profissional. Então, que tal descobrir o que é o voluntariado e por que vale a pena se envolver nele? Continue a leitura e saiba mais!

O que é o trabalho voluntário?

Trabalhar de forma voluntária significa realizar atividades de interesse social sem receber remuneração em troca. A realização de tarefas desse tipo não está relacionada ao lucro, mas sim ao objetivo de ajudar alguém ou alguma comunidade. Assim, o trabalho voluntário é um exercício de cidadania e solidariedade, que pode ser usado para impulsionar mudanças sociais importantes.

O voluntariado se organiza de maneira muito diversa em relação às atividades, aos locais de trabalho e à carga horária. Por isso, é possível se dedicar a ele de acordo com seus limites — uma pessoa pode dedicar um turno todos os dias, enquanto outras contribuem apenas um dia por semana, segundo suas possibilidades de horário.

Além disso, há oportunidades para essa atuação no seu bairro, em outras regiões da cidade e, até mesmo, em estados ou países diferentes. Essa flexibilidade é outra característica do trabalho voluntário. Existem pessoas trabalhando com educação de crianças em igrejas, fazendo comida para moradores de rua ou participando de mutirões para limpeza de praias, por exemplo.

Há ainda outra liberdade de escolha importante: é possível ser voluntário nas mais variadas áreas profissionais. Dessa maneira, o voluntário pode optar por descobrir novos talentos (como ajudar no corte de cabelo ou em projetos de entretenimento em um lar para idosos) ou atuar no seu campo profissional.

Nesse sentido, um pedagogo pode ajudar uma comunidade ou um projeto social trabalhando em um programa da alfabetização de adultos ou organizando um clube de leitura com crianças. Da mesma forma, advogados podem prestar suporte jurídico a diversas instituições de trabalho social.

Que benefícios essa experiência traz?

O trabalho voluntário é uma iniciativa muito vantajosa tanto para quem usufrui dos serviços quanto para aqueles que oferecem seu tempo e esforço na organização. Um dos principais benefícios é a sensação de compromisso social. Afinal, o voluntariado é uma maneira de se doar para causas importantes, impactando positivamente a vida de pessoas e comunidades.

Exercer essas atividades também é uma oportunidade de ampliar sua experiência de vida e seu círculo social. Ter contato com pessoas de realidades diferentes da sua expande os conhecimentos e a sensibilidade. Assim, não é só a vida dos usuários que será modificada nessa ação, a sua também passará por transformações importantes.

Nesse sentido, o autoconhecimento é uma das vantagens centrais do trabalho voluntário. Esse aspecto se desenvolve tanto no quesito pessoal quanto profissional. Além de se conhecer mais e avaliar suas escolhas rotineiras, você também aproveita a possibilidade de se testar na profissão, identificando os fatores que lhe motivam ou não.

O reconhecimento e a gratidão são outros benefícios sentidos por quem se dedica ao voluntariado. Atuar nesse campo traz outros significados para a sua prática profissional, uma vez que ajudará pessoas que, de outra forma, não teriam condições para contratar o serviço que você oferece gratuitamente.

Como ele contribui para sua formação profissional?

Agora você já sabe do que se trata o trabalho voluntário e conhece os benefícios de realizar essa prática, mas será que essa vivência pode ser aproveitada em processos seletivos de emprego? Poucas pessoas prestam atenção nisso, mas o voluntariado pode sim ser colocado no currículo e se transformar em um diferencial importante para as empresas. Veja quais são as vantagens dele para sua formação!

Promove experiência prática

Como falamos, trabalhar de forma voluntária não deixa de ser uma experimentação profissional. Com isso, essa é uma boa estratégia para quem ainda não tem muito contato com a prática.

O voluntariado é uma maneira de atuar profissionalmente antes mesmo de ter um emprego formal, ou seja, pessoas em início de carreira ou em momento de recolocação profissional podem aproveitar experiências como voluntárias para agregar valor ao currículo. Assim, é possível começar a trabalhar na sua área antes de ser contratado oficialmente por alguma empresa.

O trabalho voluntário é uma grande oportunidade para aliar a teoria aprendida no curso com a prática social. Além disso, você estará em contato com pessoas que, de fato, precisam muito dos seus serviços. Não há um jeito melhor de conhecer as demandas em relação à sua profissão.

Enriquece o currículo

O trabalho voluntário é bastante valorizado pelos contratantes. Logo, ter essa experiência listada no currículo chama atenção para o seu perfil profissional e ajuda a conquistar melhores oportunidades. Os motivos são vários. Primeiro, isso demonstra que você não se deixa estagnar, mas busca movimentar sua atuação com novos estudos e práticas.

Outra razão do reconhecimento do voluntariado é o fato de que ele desenvolve habilidades diversificadas e muito valorizadas pelo mercado hoje — por exemplo, a flexibilidade, a criatividade e o trabalho em equipe. Além disso, cada vez mais, as empresas estão investindo em trabalho social — com isso, buscam profissionais com experiência nessa área.

Está na dúvida em como encaixar o trabalho voluntário no currículo? Para quem não tem outras experiências profissionais para apresentar, ele pode estar em destaque. Se não for o caso, monte um tópico com atividades complementares para ele. Lembre-se de registrar o nome da instituição, o período pelo qual participou do projeto e as funções que realizou.

Proporciona a construção de networking

Junto com todos esses benefícios do trabalho voluntário, existe ainda a possibilidade de conhecer novas pessoas e profissionais da sua área. Todos eles podem virar importantes contatos e compor um ótimo network para seu desenvolvimento profissional.

As pessoas que utilizam seu serviço voluntário podem, no futuro, voltar a procurar você ou indicá-lo para conhecidos. Também é possível que se lembrem do seu nome ao ficarem sabendo de alguma oportunidade de emprego na sua área.

Por fim, os outros voluntários são fontes potenciais de parcerias profissionais. Existem diversas possibilidades como montar projetos coletivos, ser indicado para vagas no mercado de trabalho, saber de cursos interessantes para sua profissão etc.

Percebeu como o trabalho voluntário oferece uma riqueza de oportunidades para você? Os benefícios não são só pessoais. Ele também agrega valor ao seu perfil profissional e gera diferenciais importantes para sua carreira. Com este post, você aprendeu a aproveitar isso da melhor maneira!

Então, gostou do conteúdo? Que tal continuar estudando o assunto? Aproveite que está por aqui e leia este outro post sobre o que são atividades complementares da faculdade!

 

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você

Nosso App

Nossas Redes Sociais