Quer trabalhar com redes sociais? Veja o que é preciso neste post

  • 19/abr/2019

Quer trabalhar com redes sociais? Veja o que é preciso neste post

Boa parte da nossa comunicação ocorre pelas redes sociais. É lá que recebemos notícias, buscamos entretenimento, conversamos com amigos e, por que não, criamos nossas fontes de renda. Trabalhar com redes sociais é algo novo, mas que tem se mostrado muito necessário dentro do marketing.

Ao contrário do que alguns costumam dizer por aí, é possível, sim, ganhar dinheiro trabalhando com redes sociais. Esses profissionais são chamados de social media, e são capacitados para aproveitar ao máximo as funções das redes em prol dos objetivos de uma empresa ou de uma marca, sejam eles comerciais ou não.

Quer saber mais sobre o assunto e entender quais são os passos para se tornar um social media e começar a trabalhar com redes sociais? É só continuar a leitura!

Afinal, o que é social media?

A área de social media, que trabalha com as redes sociais, é um dos principais braços das estratégias de marketing digital — e também um dos mais comuns, já que elas são facilmente alcançáveis tanto por consumidores quanto por empresas. Qualquer empresa pode criar uma página no Facebook e começar a divulgar sua marca.

No entanto, já passou o tempo em que a comunicação empresarial na internet se resumia apenas à divulgação de campanhas publicitárias. Um perfil no Instagram não pode ser tratado como um panfleto de vendas, assim como um canal no YouTube não é um comercial televisivo.

É com base na necessidade das empresas de criar e implementar estratégias realmente efetivas para se comunicar nas redes sociais que surge a profissão social media. Esse profissional é responsável, de forma geral, por gerenciar as mídias sociais da empresa, mantendo-as alinhadas à estratégia geral de marketing e direcionadas a objetivos predefinidos.

Parece complicado, mas vamos explicar melhor. O gerenciamento de redes sociais pode ser dividido em três partes principais, que podem, ou não, ser executadas pelo mesmo profissional. Confira!

Planejamento

É a parte de pesquisa e definição da estratégia. É baseada em estudos aprofundados sobre a empresa e seu mercado de atuação. Deve considerar, entre outras coisas:

  • o mercado;

  • o público-alvo;

  • a cultura da empresa.

A partir do trabalho de pesquisa, o planejamento criará as buyer personas, que são representações fictícias dos clientes ideais daquela empresa, desenhados com base nos dados obtidos. Nessa etapa de planejamento também deve ser definido o tom da comunicação, o grau de formalidade, a frequência de publicações, entre outros detalhes.

Execução

Essa etapa é o momento em que tudo o que foi pesquisado e planejado é efetivamente colocado em prática. Aqui o social media busca produzir os melhores conteúdos, oferecer assuntos interessantes e material de qualidade a seus seguidores, criar engajamento e se manter em constante interação com o público.

Para que a execução funcione bem, é preciso que o social media estude e siga à risca o que foi definido no planejamento.

Análise e reestruturação

A última etapa é a análise, mas ela também pode ser a primeira, já que o ciclo não termina. Ficou confuso? É que o gerenciamento de redes sociais precisa ser constantemente analisado e modificado, afinal, o mundo online não é estático e está em constante transformação.

Nessa parte é preciso olhar para a estratégia aplicada e verificar se ela trouxe os resultados esperados. Se a resposta for não, ela precisa ser reestruturada. Se for sim, ainda assim talvez ela precise ser reestruturada.

Como se tornar um social media?

Agora que você já sabe o que é um social media, voltamos à questão inicial: como trabalhar com redes sociais? Em primeiro lugar, é necessário desenvolver algumas competências que são essenciais para a área, começando pela boa relação com o português e pelos conhecimentos sobre as próprias redes, que serão seu campo de trabalho.

Para quem tem interesse na área e quer buscar uma graduação que seja útil para desenvolver as habilidades necessárias, o curso de Marketing é o mais indicado, afinal, a área de social media faz parte do marketing digital.

Entretanto, existem vários profissionais de outras áreas que atuam em social media, principalmente pessoas das áreas da Comunicação, Letras e até mesmo Administração. Nesse caso, para se aperfeiçoar no assunto, vale a pena tanto investir em uma segunda graduação quanto buscar uma pós ou especialização na área.

4 dicas para quem quer trabalhar com redes sociais

Além de buscar uma formação, existem algumas habilidades e ações que podem ajudar muito a quem quer entrar no mundo do gerenciamento de redes sociais. Com base nisso, listamos quatro dicas importantes para você seguir. Quer saber quais são?

1. Domine a linguagem digital

Antes de mais nada, você precisa se lembrar constantemente de que está trabalhando em uma rede social — pode parecer óbvio, mas é de extrema importância, porque você de forma alguma deve fazer um post no Facebook da mesma forma que criaria o texto para um panfleto.

É preciso ter bom domínio do português, como já dissemos, e ainda ir além: conhecer e se adaptar ao modo como as pessoas se comunicam na internet. A comunicação online exige clareza, concisão e objetividade.

Também é importante ressaltar que existe um grau mínimo de informalidade necessário, e que essa linguagem nas redes varia de acordo com a persona a qual você se dirige.

Dominar a linguagem digital também significa saber seguir as tendências, dialogar com os memes e se adaptar aos trending topics do dia.

2. Crie um portfólio

A principal forma que você tem para provar que é bom nessa área é mostrando o que você já fez. Documente todos os trabalhos ou os que achar mais interessantes, e monte um portfólio bem completo.

Se você está começando, vale criar planos de gerenciamento fictícios com base em análises de páginas reais, se oferecer como voluntário para microempresas ou ONGs e até mesmo criar uma página sua, usando suas habilidades para promover sua marca pessoal.

3. Desenvolva sua capacidade analítica

A capacidade de análise é importante em todas as etapas do gerenciamento de redes sociais. Ela inclui, entre outros aspectos, a aptidão para pesquisa e o olhar atento aos detalhes.

Algumas pessoas já são naturalmente mais analíticas, mas essa habilidade também pode ser desenvolvida com cursos, treinamentos e muita prática.

4. Aprender a usar ferramentas digitais

Por fim, se você quer trabalhar no mundo digital, precisa aprender a lidar com as ferramentas que ele disponibiliza.

É preciso entender minimamente como funcionam os algoritmos de cada rede, aprender a usar todas as funcionalidades que elas disponibilizam para tornar seus posts mais atraentes, aprender a criar anúncios, entre outras coisas.

Essa parte é bem mais técnica que as outras, engloba conhecimentos específicos, e normalmente pode ser desenvolvida com cursos ou tutoriais das próprias ferramentas.

Trabalhar com redes sociais é algo que exige dedicação e abertura para o aprendizado constante. Além disso, tem atraído o interesse de muitos profissionais. Quanto mais capacitado você estiver, maiores são suas chances de se dar bem na área.

Gostou do assunto? Assine nossa newsletter e receba conteúdos como este em primeira mão!

 

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você

Nosso App

Nossas Redes Sociais