Connect with us

Guia de Carreiras

Qual a diferença entre trabalho e emprego?

diferença entre trabalho e emprego

Já parou para pensar se atualmente você está em um trabalho ou um emprego? Essa questão é importante, pois, poucas pessoas conhecem, mas existem algumas diferenças sobre esses dois termos, afinal ter um emprego ou trabalhar podem ser duas situações diferentes. Em suma, o trabalho é voltado para a nossa satisfação profissional, já o emprego é uma forma de adquirir renda.

Se ficou curioso e quer saber mais sobre o assunto, continue a leitura e veja qual a diferença entre trabalho e emprego, como se relacionam e saiba qual o papel de ambos na vida profissional.

Manual do candidato: como se portar em uma entrevista de emprego

O que é emprego?

O emprego é uma ocupação que visa suprir as necessidades presentes, fornecer um salário para pagar as contas e outras demandas necessárias. Você é um empregado quando assume uma função, mas não percebe um futuro próspero nela e realiza suas tarefas visando apenas o retorno financeiro. Dessa forma, não precisa ser algo que você gosta, pois o que te mantém no cargo é a necessidade.

Esse cenário a princípio pode ser confortável, mas no futuro pode gerar uma estagnação da carreira e levar o profissional ao desinteresse e à falta de motivação. Isso é algo que não é bom para o empregador e nem para o empregado.

O que é trabalho?

O trabalho são as atitudes e ações que os profissionais colocam em prática visando o sucesso na carreira. Ele está voltado não só para a satisfação do trabalhador, mas também para aquilo que ele deseja ser no futuro, andando em conformidade com o seu projeto de vida. Sendo assim, o trabalho é algo que está atrelado à existência do indivíduo e a sua satisfação profissional e, inclusive, pessoal.

Trabalho e emprego são sinônimos?

Nesse momento é importante recorrermos ao dicionário para compreender a definição de ambas. O Priberam diz que “trabalho é qualquer ocupação física ou intelectual, atividade profissional regular e remunerada, esforço”. Já, para o mesmo dicionário, emprego é “ocupação remunerada e determinada a que alguém se dedica.”

Dessa forma, de acordo com o dicionário, podemos perceber que sim, ambas as palavras são sinônimas, mas isso não quer dizer que a sua aplicação seja semelhante. Há contextos em que podem ser usadas juntas, mas em outros, não devem.

Porém o importante é você internalizar e se questionar o que deseja encontrar no momento: um trabalho ou um emprego? Será possível encontrar os dois? Continue a leitura e veja como aliar ambos na sua vida profissional.

Como aliar trabalho e emprego na vida profissional?

Quando pensamos em nossa função na sociedade, vamos à procura de algo que nos traga satisfação e esteja alinhado com o nosso aprendizado. Afinal, não desejamos passar o nosso tempo em um emprego que não traz satisfação, vivendo uma rotina de contrariedades.

Por isso, é importante olhar para o seu trajeto educacional com carinho e reconhecer o próprio esforço empreendido até então. Talvez seja necessário dar um passo à frente e ir em busca da preparação para uma carreira profissional de sucesso e investir em uma graduação ou pós-graduação para garantir melhores oportunidades e, inclusive, uma boa remuneração, podendo, portanto, aliar trabalho e emprego. Para isso, algumas dicas podem ajudar:

  • cuide de sua carreira hoje para ser um bom profissional amanhã: você tem um sonho? Tem uma área pela qual se identifica mais? Então, faça um planejamento do que precisa estudar, qual curso precisa fazer e quanto tempo precisará se dedicar para investir em seu futuro;
  • repense sobre sua vida: reflita se o que você faz atualmente é realmente bom para si e para a sua carreira. Veja se a sua função atual apresenta alguma possibilidade de crescimento profissional e de remuneração. Assim, caso deseje mudar de área, lembre-se que o emprego que você tem atualmente é temporário.

Porém, se a sua situação atual é de sobrecarga e isso te desanima de voltar a estudar, procure por métodos de organização, um deles é o GTD, ou seja, Getting Things Done. Por mais que seja desafiador inicialmente, é algo que valerá a pena no futuro.

Qual a importância do teste vocacional?

É possível que agora você esteja com a seguinte dúvida: “como vou priorizar encontrar um trabalho e não apenas um emprego para a minha vida?”. Nesse caso, a resposta pode estar no teste vocacional, pois esse será um levantamento realizado com o acompanhamento de um especialista que identificará os seus interesses e irá assimilá-los a possíveis profissões, tendo como base os seus pontos fortes, suas aptidões, suas ambições e seus pontos fracos — pensando também até onde você está disposto a ir para superá-los.

O teste vocacional além de um guia para você e para descobrir qual pode ser o melhor caminho para voltar a investir em sua carreira e a ter uma rotina de estudos, é também um instrumento de autoconhecimento, fazendo com que perceba: o que será um emprego para você e o que será verdadeiramente um trabalho.

Outro ponto positivo é que com o teste vocacional é possível ter um maior conhecimento de suas habilidades e isso proporcionará confiança para a sua trajetória. Por outro lado, reconhecer suas fraquezas também é algo significativo, pois assim você conseguirá ter noção de quais pontos precisa desenvolver para se tornar um profissional completo para o mercado de trabalho.

Como funciona o teste vocacional?

Os testes vocacionais geralmente são organizados por psicólogos, pois eles são profissionais com propriedade e conhecimento para construir essas análises. Além disso, eles também são os únicos que têm autorização do Conselho Federal de Psicologia, devido ao embasamento científico que eles aplicam. Esse profissional realizará algumas sessões em um local privado e seguro para conversar, orientar e ajudá-lo a assimilar suas escolhas atuais e futuras diante da sua carreira.

Porém, se você deseja fazer um teste mais rápido e descobrir de forma mais abrangente quais são as suas inclinações, existem testes de múltiplas escolhas em que as respostas são analisadas e, a partir de um padrão, pode-se chegar a alguma área que seja de seu interesse.

O importante mesmo é analisar a sua situação atual e perceber quais passos precisam ser seguidos para iniciar novas conquistas e investir em possibilidades que deixem a sua rotina mais prazerosa e engajada.

Notou como compreender a diferença entre trabalho e emprego é importante? Ao entendermos o contexto em que cada termo se aplica, podemos pensar melhor em nosso futuro e construir uma carreira que vise alcançar os dois!

Se você quer saber mais sobre o assunto, siga-nos nas redes sociais e fique atualizado! Estamos no Facebook, Instagram, LinkedIn e Twitter.

Avalie post
Comentários

QUER SABER SOBRE OS MAIS DE 1.800 CURSOS A DISTÂNCIA?

Saiba mais sobre os cursos de Pós-Graduação EAD

Saiba mais sobre os cursos de Graduação EAD


Copyright Unyleya ©. Todos os direitos reservados.