Connect with us

Especialize-se

Mudar de profissão depois dos 40: como fazer acontecer!

Mudar de profissão é algo cada vez mais comum em todas as idades. Confira as dicas de como fazer isso tranquilamente, no post a seguir!

mudar de profissão depois dos 40

Mudar de profissão depois dos 40, ou em outras fases da vida, parece desafiador. Porém, é possível e cada vez mais procurado. Segundo a reportagem “Transição de carreira é tendência entre os profissionais, aponta pesquisa”, de outubro de 2023 da CNN, dados de pesquisa do LinkedIn demonstram que “(…) 60% dos trabalhadores brasileiros cogitam mudar de emprego neste ano e que 20% já iniciaram as buscas por um novo trabalho.”

Entre os motivos para a mudança, não só o aspecto financeiro, mas a autossatisfação e o bem-estar são considerados. Se esse é o seu objetivo, confira o que analisar antes de dar o primeiro passo. Veja também dicas de como passar por essa transição. Boa leitura!

O que analisar antes de mudar de profissão? 

Na mesma reportagem da CNN, a psicóloga entrevistada, Camila Caldeira, aponta que a transição de carreira não ocorre sem as pessoas pensarem nos riscos. Aliás, o pressuposto considerado é de que essa pessoa já tenha estabilidade e condições financeiras. 

Nesse sentido, poderia envolver “(…) o planejamento, uma reserva financeira e a realização de novos cursos, o que também não é uma realidade acessível para todos”. Dessa forma, quem planeja mudar de profissão depois dos 40 anos, ou até antes, deve fazer uma boa análise e considerar certos aspectos. Confira alguns deles a seguir! 

Analise prós e contras de sua atual profissão 

Muitas pessoas que querem mudar de carreira se sentem infelizes na profissão que têm. Por isso, é importante ter atenção e listar os prós e contras dela. Dessa forma, é possível enxergar um cenário mais amplo. 

Por exemplo, quem é formado em Direito e não gosta da rotina burocrática da profissão pode amar o senso de justiça quando ganha um processo ou se sentir recompensado pela ideia de ajudar os outros. Nesse sentido, pode não ser exatamente necessário mudar de área, mas sim de segmento dentro da mesma profissão. 

Já quem trabalhou por vinte anos na área financeira, mas não se identifica mais com o trabalho, e sempre teve um hobby culinário, pode estudar Gastronomia e abrir seu próprio restaurante. 

Defina os motivos que levam à mudança 

Além de conhecer bem o que agrada e incomoda na atual carreira, é preciso listar os motivos para querer mudar de profissão depois dos 40. Por exemplo, eles podem ser: 

  • insegurança no trabalho; 
  • insatisfação com o salário; 
  • mudança de objetivos de vida; 
  • vontade de empreender; 
  • foco na saúde física e mental. 

Ter isso claro ajuda a pessoa a sentir mais segurança para essa transição, pois poderá olhar para os novos desafios como meios para um fim almejado. 

Entenda suas habilidades e pontos fortes 

Mudar de profissão depois dos 40 exige também autoconhecimento. Afinal, mesmo se você tiver décadas de experiência, ainda assim, será um novato na área em que entrar. Nesse sentido, precisará de todas as suas habilidades para se sair bem. 

Dessa forma, é importante listar suas habilidades e seus pontos fortes, bem como os fracos, para saber como eles podem ser aplicados e fazer diferença na nova carreira. Assim, você também tem uma ideia melhor do que precisará desenvolver. 

Considere os aspectos financeiros 

Não é possível falar de mudança de profissão e não pensar nos aspectos econômicos. Aliás, são eles que influenciam muitas pessoas, mesmo antes dos 40 anos, a buscar um novo trabalho. 

Sendo assim, faça uma boa análise e veja em que situação você está para essa mudança. O ideal é que tenha recursos para fazer uma transição o mais suave possível. 

Afinal, pedir demissão e conseguir um trabalho em outra área pode levar certo tempo, bem como não gerar o mesmo rendimento que o anterior, o que pode comprometer seu estilo de vida e outros planos. 

Como mudar de profissão depois dos 40? 

Agora que você viu os aspectos para mudar de profissão depois dos 40 anos, confira as dicas sobre como seguir nessa nova etapa! 

Busque o que gosta 

É claro que buscar uma profissão mais rentável é importante, porém, ela pode trazer tanta frustração como a anterior. 

Por exemplo, segundo a reportagem “Sobram vagas, apesar de salário alto: o que explica escassez de profissionais de TI no Brasil?”, do portal InfoMoney, publicada em outubro de 2023, uma pesquisa da Brasscom aponta que entre 2023 e 2025, serão necessários mais de 540 mil profissionais de TI. Além disso, segundo a reportagem, “(…) o salário do setor de tecnologia é hoje cerca de 2,3 vezes acima da média nacional.” 

Contudo, se você não tem aptidão para a área de Exatas, não gosta de trabalhar com computadores e nem da rotina, que pode ser exigente, entrar no segmento pode não compensar, mesmo com tantas oportunidades. 

Faça um planejamento 

Outro aspecto importante é fazer um planejamento bem elaborado, para que a transição para uma nova profissão seja suave. 

Ou seja, mesmo que tenha certeza da decisão, o ideal é não sair pedindo demissão para começar a buscar outro emprego. Se for fazer isso, é importante ter uma boa reserva, para que seus compromissos não sejam afetados negativamente. 

Nesse caso, traçar um plano financeiro e períodos em que pode tomar decisões pode ser uma boa forma de mudar seguramente. Por exemplo, além de ir guardando dinheiro, você pode estudar a nova carreira e só mudar quando tiver uma oportunidade nela. 

Procure especialização 

Geralmente, a especialização é o caminho ideal para quem vai mudar de profissão depois dos 40 anos. Sendo assim, nesse caso, é importante escolher um bom curso para fazer um ensino de qualidade.

Além disso, vale a pena buscar experiências de prática, como os estágios. Dessa forma, você pode acompanhar o dia a dia da profissão nova e saber se realmente é aquilo o que procura. 

Crie uma rede de contatos 

Criar uma rede de contatos é muito importante para conseguir mudar de carreira. Isso porque essas pessoas podem dar indicações de oportunidades de trabalho ou oferecer conselhos que ajudem você a entrar na área. 

Sendo assim, converse com o máximo de pessoas da nova profissão, entre em grupos, participe de eventos, e busque conhecer a fundo a realidade dela. 

Abandonar uma carreira de anos e mudar de profissão depois dos 40 pode surpreender, mas não é incomum. Pelo contrário, cada vez mais as pessoas repensam suas escolhas e aceitam que podem tomar novas decisões.

Mas para seguir um novo caminho profissional, até antes dos 40 anos, é essencial fazer um bom planejamento e se preparar. Desse jeito, você tem mais segurança para passar pela transição e pode começar uma nova fase com sucesso! 

Gostou das dicas? Deixe nos comentários outros conselhos para quem mudará de profissão!

5/5 - (1 vote)

QUER SABER SOBRE OS MAIS DE 1.800 CURSOS A DISTÂNCIA?

Saiba mais sobre os cursos de Pós-Graduação EAD

Saiba mais sobre os cursos de Graduação EAD


Copyright Unyleya ©. Todos os direitos reservados.