Um panorama sobre a segurança pública no Brasil e seus desafios

  • 10/set/2020

Um panorama sobre a segurança pública no Brasil e seus desafios

Powered by Rock Convert
Tempo de Leitura: 4 minutos

Apesar dos desafios que envolvem o trabalho de segurança pública no Brasil, o ramo tem alta empregabilidade, considerando-se que a demanda por profissionais dessa área é constante. Por se tratar de um setor essencial à população, quem trabalha no ramo precisa ser extremamente qualificado, além de prezar pela ética e responsabilidade social da profissão.

O profissional de segurança pública é quem elabora, implementa e supervisiona programas sociais que visem reduzir a violência e a criminalidade. Por isso, conhecer e respeitar os princípios da cidadania e dos Direitos Humanos é crucial para assumir uma posição de destaque na área, contribuindo para uma sociedade mais justa e igualitária.

Se você tem interesse em cumprir esse importante papel, a graduação em Segurança Pública tem tudo a ver com o seu perfil. Neste post, traçamos um panorama do assunto, explicando as possibilidades de atuação, os desafios do setor e a importância do conhecimento especializado para assumir a função. Confira!

O panorama da segurança pública no Brasil

Trabalhar pela segurança pública significa direcionar seus esforços ao pleno combate da criminalidade no Brasil, o que por si só já evidencia o tamanho do desafio desse setor. Fazem parte do quadro de profissionais do ramo os funcionários da Polícia (Militar, Civil, Rodoviária, Federal), Bombeiros, Ministérios, Secretarias de Segurança, Penitenciárias, entre outros departamentos que previnem riscos e violência.

A carreira na esfera pública é a principal opção de trabalho, considerando-se os âmbitos de atuação municipal, estadual e federal. Independentemente do alcance das políticas públicas de segurança, é dever dos órgãos trabalharem de forma conjunta, elaborando planos integrados e fortalecendo os direitos básicos da população em todo o território nacional.

Devido à dimensão social desse trabalho e também à extensão territorial do Brasil, não é tarefa fácil assumir um cargo na área. No entanto, o reconhecimento e a valorização profissional são garantidos, tendo em vista que você prestará um serviço indispensável à sociedade.

Em seguida, pontuamos algumas características do perfil de quem trabalha na segurança pública:

  • proatividade e iniciativa — em muitas ocasiões, será necessário tomar decisões rápidas e sob pressão;
  • postura ética e responsável — respeitar os Direitos Humanos e a constituição é um dever básico dos profissionais do segmento;
  • visão estratégica e analítica — o profissional deve estar apto a avaliar os mais diferentes cenários e contextos para basear seus planos de ação;
  • comunicação clara e efetiva — estar aberto ao diálogo e se comunicar bem também são habilidades cruciais para quem trabalha com segurança pública.

Os principais desafios da segurança pública no Brasil

Como dissemos, é natural que essa seja uma profissão desafiadora, sobretudo se a gente considerar os variados contextos socioculturais do território brasileiro, além de sua ampla extensão. Portanto, saber quais são os desafios que virão pela frente é imprescindível para a preparação do profissional, de modo que ele possa elaborar políticas públicas condizentes com o contexto do país. A seguir, listamos os principais desafios do setor.

Corrupção

A corrupção no governo brasileiro não é novidade para ninguém. No entanto, se você pretende trabalhar com segurança pública, precisa redobrar a atenção diante desse cenário. Embora o combate às práticas ilegais na política nunca tenha ocorrido de forma efetiva no país, saiba que essa missão cabe aos profissionais da segurança pública. Portanto, você terá muito trabalho pela frente.

Criminalidade

Desarticular facções criminosas é outro dever da segurança pública, que deverá se importar também com a superlotação e a violação dos Direitos Humanos nos presídios. Uma maneira estratégica de otimizar esse combate é integrando setores judiciários, Polícias Militar, Civil e Federal, assim como os órgãos municipais e representantes civis.

Powered by Rock Convert

Violência

Criminalidade e violência andam lado a lado na lista de prioridades da segurança pública brasileira. Nós sabemos que os índices de mortes violentas no Brasil são altíssimos, especialmente nas metrópoles e regiões metropolitanas. Desenvolver políticas públicas de combate à desigualdade social é uma forma evitar que os indivíduos encontrem alternativas no crime.

Desigualdade social

Eis o maior desafio da segurança pública no Brasil: a desigualdade. Como vimos, os demais desafios do setor têm relação direta com a falta de recursos que propiciam dignidade a toda a população.

Nesse sentido, mais do que investir no policiamento, é essencial criar políticas abrangentes que desenvolvam a educação, a saúde, a cultura, o esporte, o lazer, a arte etc., democratizando o acesso a esses serviços e proporcionando bem-estar e qualidade de vida em todas as esferas sociais.

As oportunidades de atuação na área de segurança pública

No início do post falamos sobre as principais funções dos profissionais desse segmento indispensável à vida em sociedade. Reforçamos também a necessidade de ter uma boa formação na área para desenvolver a função com maestria, principalmente porque o setor apresenta uma série de desafios e complexidades relacionadas à configuração do território brasileiro.

Em linhas gerais, podemos dizer que a graduação em Segurança Pública permite que os profissionais trabalhem em qualquer esfera do Governo, além de assumirem funções de segurança pessoal, patrimonial e empresarial — segmentos privados que também estão em alta nesse ramo.

Inclusive, a prestação de consultorias de segurança para empresas privadas já é uma tendência no mercado brasileiro, a qual tem atraído muitos profissionais que desejam mudar de carreira pública para a privada.

Qualquer que seja a sua escolha, a formação é imprescindível para desenvolver as competências intrínsecas ao cargo, como a visão estratégica, o raciocínio rápido e a conduta ética que rege a atividade. Por isso, se você pretende trabalhar na segurança pública, o primeiro passo é fazer seu planejamento pessoal e buscar uma instituição de renome para garantir um diploma valorizado no mundo do trabalho.

A graduação em Segurança Pública capacita o profissional para elaborar políticas de segurança com base em fatores sociais e aspectos psicológicos, sempre prezando pelo respeito aos Direitos Humanos e à legislação brasileira. Ao longo da vivência no curso, o aluno fortalece suas concepções sobre ética, relações humanas e, sobretudo, mediação de conflitos, de modo a assumir uma postura corporativa íntegra e correta.

A possibilidade de fazer essa graduação na modalidade EAD contribui para que o curso de Segurança Pública seja um dos mais procurados hoje em dia. Afinal, a maioria das pessoas não pode interromper o trabalho para se dedicar somente aos estudos. Nesse sentido, as graduações a distância democratizam o acesso ao ensino superior e contribuem para que o mercado tenha profissionais de Segurança pública no Brasil cada vez mais capacitados.

Aproveite que está inspirado e conheça melhor o curso de graduação em Segurança Pública e suas características!

Powered by Rock Convert
inscrição graduaçãoPowered by Rock Convert

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você