Logística ou Segurança do Trabalho: qual curso fazer?

  • 11/set/2020

Logística ou Segurança do Trabalho: qual curso fazer?

Powered by Rock Convert
Tempo de Leitura: 4 minutos

Quem se interessa pelo dia a dia das grandes empresas e fica curioso para saber como tudo se mantém funcionando, provavelmente se dará muito bem fazendo um curso de Logística ou Segurança do Trabalho. Os profissionais desse ramo têm excelente visão estratégica e por isso são os responsáveis pela organização e estruturação de diversos setores empresariais.

Como a demanda nesse ramo é extensa, o profissional terá vaga garantida em estabelecimentos de todos os portes. No entanto, as atribuições dos cargos exigem conhecimento técnico aprofundado. Por isso, fazer uma graduação é importantíssimo para atuar de forma adequada e alcançar posições de destaque.

Neste post, explicaremos como funcionam as graduações em Logística e Segurança do trabalho, traçando também um panorama do mercado nessas áreas e as principais funções desses profissionais. Continue a leitura e planeje a sua carreira!

Como é a graduação em Logística?

A graduação em Logística forma profissionais habilitados a trabalhar com procedimentos sistêmicos e estratégicos que envolvem as demandas de uma empresa, desde a aquisição e recebimento de mercadorias até a armazenagem e distribuição para transporte. O objetivo do profissional que faz carreira em Logística é garantir a fluidez do trabalho, a otimização dos fluxos e a qualidade das matérias-primas utilizadas.

Tudo isso prezando por uma atuação ética, pautada pela responsabilidade social e pensamento sustentável. Fundamentos do Direito, Contabilidade e Marketing são alguns dos conceitos priorizados ao longo do curso. Além disso, fazem parte da grade curricular disciplinas como Gestão Estratégica, Teoria da Administração e Empreendedorismo.

Mercado de trabalho em Logística

Devido ao constante crescimento do parque industrial brasileiro, o mercado da Logística se mantém sempre aquecido. Não é à toa que muitos estudantes têm se interessado por essa graduação. Os profissionais da área têm vaga cativa tanto nas indústrias quanto em comércios e demais setores de prestação de serviço, como transportes.

Embora as médias salariais sejam atraentes em todos os ramos logísticos, nos parques industriais os ganhos tendem a ser um pouco mais elevados. De qualquer forma, isso varia conforme o porte da instituição e a experiência do profissional. Aqueles com certo tempo de carreira e pós-graduação no currículo, por exemplo, naturalmente assumem as posições mais altas.

Atribuições do profissional de Logística

Visão estratégica, planejamento e organização são algumas palavras de ordem na rotina de trabalho de quem atua em departamentos logísticos. Esse ramo administra não somente os materiais, insumos e recursos, mas também o contato com os fornecedores, prezando sempre pelo melhor relacionamento possível.

Por isso, habilidades de comunicação contam pontos valiosos para assumir os cargos de Logística. A capacidade de liderança e o raciocínio rápido são outras competências necessárias para gerenciar operações na empresa e tomar decisões sob pressão ou diante de imprevistos.

Powered by Rock Convert

O que é estudado na graduação em Segurança do Trabalho?

A Segurança do Trabalho abrange um conjunto de procedimentos que objetivam proteger integralmente os colaboradores em um ambiente corporativo. A função primordial de quem trabalha na área é minimizar os riscos de acidentes de trabalho e doenças ocupacionais, promovendo também ações educativas e de conscientização sobre o assunto.

A graduação no ramo é voltada para quem se preocupa com essa questão da qualidade de vida no trabalho, pautando sua atuação pela ética, cidadania e responsabilidade social. É por isso que esses profissionais são tão importantes para a sociedade, tendo em vista que garantem uma rotina corporativa mais justa, segura e confortável para todos os funcionários.

Mercado em Segurança do Trabalho

Podemos dizer que a grade curricular do curso de Segurança do Trabalho prioriza uma série de questões que demonstram exatamente o que o mercado espera do profissional dessa área. Conhecimento sobre Legislação, Psicologia do Trabalho e Programas de Prevenção de Risco, por exemplo, são conteúdos cruciais para quem deseja se profissionalizar no ramo.

Afinal, estamos falando de um setor que não permite erros ou negligências. Tanto é que em algumas instituições é comum que o aprendizado equilibre aulas teóricas e práticas para que o aluno se familiarize com o dia a dia da profissão, aplicando no cotidiano das empresas aquilo que aprendeu em sala de aula.

Por se tratar de um setor obrigatório em instituições de grande porte, os profissionais da Segurança do Trabalho têm vaga garantida no mercado, podendo atuar tanto em estabelecimentos privados quanto em órgãos públicos. No entanto, vale reforçar a importância de fazer uma graduação no ramo, pois o diploma é fator de peso para conquistar uma posição de destaque.

Atribuições do profissional de Segurança do Trabalho

Além de fiscalizar o uso de equipamentos de segurança e supervisionar a implantação de maquinário e outros recursos operacionais, é função do profissional de Segurança do Trabalho acompanhar auditorias do setor e desenvolver campanhas educativas sobre prevenção de riscos e manutenção do bem-estar no ambiente corporativo. Em seguida, pontuamos as principais atribuições do cargo:

  • inspecionar o uso de equipamentos e maquinários, supervisionando também a instalação de novos componentes;
  • acompanhar e inspecionar a elaboração de laudos de insalubridade e periculosidade nas empresas;
  • orientar sobre o uso dos Equipamentos de Proteção Individual (EPI) e Coletiva (EPC), fiscalizando o cumprimento das normas pelos funcionários;
  • propor ações preventivas e de controle de risco, assim como campanhas periódicas sobre qualidade de vida no trabalho.

Como escolher o seu curso de graduação?

Sem dívida, escolher uma faculdade é uma das decisões mais difíceis que fazemos na vida. Até porque nem sempre temos maturidade o suficiente para tomá-la quando ela é feita no início da juventude. No entanto, conhecer as características de cada curso é um excelente ponto de partida para saber se você se identifica com a profissão e as perspectivas do mercado da área.

Outra dica que ajuda bastante é conversar com quem já trabalha no ramo para ter certeza se as atribuições do cargo têm a ver com o que você deseja para a sua rotina corporativa. Contar com uma universidade de renome também é importantíssimo para conquistar um diploma valorizado no mundo do trabalho, sobretudo se você escolher uma graduação em alta, como Logística ou Segurança do Trabalho.

Esperamos que as dicas repassadas neste post sejam úteis para a sua decisão. Lembre-se de que tão importante quanto ingressar em uma boa universidade, é escolher uma profissão que você realmente goste e que tenha a ver com seu perfil. Juntos, esses aspectos trarão o reconhecimento profissional e a satisfação pessoal que você sempre sonhou!

Gostou do post? Aproveite e assine nossa newsletter para receber em primeira mão mais conteúdos como este!

Powered by Rock Convert
inscrição graduaçãoPowered by Rock Convert

Precisa de mais informações?

Preencha seus dados que um consultor irá entrar em contato com você